Treinador campeão com Ronaldo na Inter de Milão morre aos 81 anos

Goal.com

O futebol está em luto. Gigi Simoni, aos 81 anos, faleceu nesta sexta-feira na Itália. No ano passado, ele havia sofrido um derrame e, após complicações, não resistiu. O ex-treinador deixou sua marca em clubes como Lazio, Napoli e, principalmente, Inter de Milão.

Pelo clube do Estádio Giuseppe Meazza, Simoni conquistou a Copa da Uefa de 1997/98 com o time que tinha como uma das referências Ronaldo, que fez o terceiro gol do time na vitória por 3 a 0 contra a Lazio.

Nascido em 1939, em Crevalcore, Luigi Simoni foi meio-campista e atuou por clubes como Napoli, Torino e Juventus. No Genoa, onde encerrou sua carreira como atleta profissional, começou sua trajetória como treinador de futebol.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Nas redes sociais, diversos clubes homenageram Simoni neste dia triste para o futebol italiano. Veja a repercussão do falecimento do ex-treinador entre os times da Itália:

"Gigi Simoni nos deixou hoje, 22 de maio. Uma data não aleatória, a data mais interista de todas. Tchau Gigi, vamos sentir sua falta". Neste mesmo dia a Inter comemora os 10 anos do último título do clube na Liga dos Campeões.

"Estamos profundamente tristes com a notícia da morte de Gigi Simoni. Nossas condolências mais profundas vão para seus entes queridos", escreveu o perfil do Milan. 

"A SS Lazio, seu presidente, treinador, jogadores e toda a equipe expressam profundas condolências pela morte de Luigi Simoni e juntam-se à dor da família", manifestou a Lazio.

Leia também