Transição em campo? Romildo firma posição sobre postura do Grêmio para restante do Campeonato Brasileiro

Fabio Utz
·1 minuto de leitura

Abandonar o Campeonato Brasileiro e utilizar o time de transição nas últimas rodadas, como sugeriu o técnico Renato Portaluppi após a derrota no Gre-Nal? Esta hipótese está descartada pela direção do Grêmio.

Ainda no Beira-Rio, no último domingo, o presidente Romildo Bolzan Júnior já havia meio que deixado de lado essa possibilidade. Agora, reiterou sua posição. "O planejamento não será alterado para a reta final do Brasileirão. Vamos jogar com o que temos de melhor", disse o dirigente, em contato com GaúchaZH.

Nesta quinta-feira, o Tricolor faz, na Arena, um jogo atrasado contra o Flamengo, para muitos o principal rival do Internacional na briga pelo título. Até por isso, boa parte da torcida quer ver o clube "entregando" a partida. Mas, pelo jeito, não vai ser essa a postura da instituição. No momento, o Grêmio ocupa a sexta posição na tabela.

Para mais notícias do Grêmio, clique aqui.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.