Trabalho defensivo do Athletico é analisado por Autuori: 'Precisamos melhorar um bocado nisso'

Futebol Latino
·1 minuto de leitura


Após ter perdido as duas partidas diante do Flamengo nas oitavas de final da Copa do Brasil com um placar global de 4 a 3, o sistema defensivo do Athletico-PR foi tema da entrevista coletiva concedida após o jogo da última quarta-feira (4) por parte do técnico Paulo Autuori.

Para ele, os problemas na retaguarda bem como os erros de finalização principalmente no jogo de ida são elementos que precisam ser melhorados e, na ausência de tempo para treinos, os jogos se tornam a única forma de melhoria:

- Em casa fizemos um jogo, especialmente no segundo tempo, com chances de fazer gol. Todo mundo se lembra que o Hugo esteve muito bem e que tivemos um pênalti perdido. Mas mesmo assim a gente sente a necessidade de algum momento poder desenvolver em termos conceituais até e especialmente em fase defensiva. Precisamos melhorar um bocado nisso e isso só praticando. O jogo com o Flamengo (de ida) e hoje, fizemos dois gols, o jogo lá criamos bastante situações e não podemos sofrer gol da maneira como estamos sofrendo.

Na análise do treinador, a influência negativa da campanha no Brasileirão para a questão psicológica também teve sua parcela de participação nas atuações da equipe na Copa do Brasil.

- É obvio que sim, o fator emocional em função de tudo o que tem acontecido. Isso só se consegue reverter com vitórias, não tem mais e é obvio que da mesma maneira que você tem vitórias, vitórias, vitórias você moraliza e faz coisas que poderia até normalmente não fazer, no sentido inverso é o mesmo - avaliou.