Três jogadores do Santos se reapresentam e fazem exames, após fim do isolamento por Covid-19

Fábio Lázaro
·1 minuto de leitura


Os jogadores do Santos treinaram na parte interna do CT Rei Pelé, nesta quinta-feira (19), para preservar o campo, após a forte chuva que tem acometido a cidade. A novidade foi o retorno do goleiro João Paulo, o lateral-direito Madson e o zagueiro Lucas Veríssimo, que retornaram após dez dias de isolamento, por estarem infectados com o novo coronavírus e fizeram cardiológicos.

Diferentemente dos atletas de linha, que fizeram a sua atividade na academia, os goleiros foram ao gramado para fazer as suas atividades. Também houve uma conversa de todo o grupo com a comissão técnica.

Além dos três atletas que agora aguardarão o resultado dos exames para voltarem a treinar e, se possível, integrar o elenco santista contra o Athletico-PR, neste sábado (22), às 19h, na Arena da Baixada, pela 22ª rodada do Brasileirão, os auxiliar-técnico Eudes Pedro e o preparador de goleiros Arzul também retornaram do isolamento. Ainda não se sabe se Eudes assumirá o time contra o Furacão, ou Marcelo Fernandes, que faz parte da comissão permanente, e dirigiu o clube na vitória por 2 a 0 contra o Internacional, neste sábado (14), na Vila Belmiro, pela 21ª rodada do Brasileirão, permanecerá - o técnico Cuca já recebeu alta do hospital Sírio Libanês, mas cumpre, por recomendação, dez dias de descanso em casa, na cidade de Curitiba.

O atacante venezuelano Soteldo também não participou do trabalho desta quinta-feira (19), pois foi liberado para resolver problemas burocráticos, relativo ao seu passaporte para a entrada no Equador. Na próxima terça-feira (24), o Santos visita a LDU, em Quito, pelo primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores.