Torcida organizada do São Paulo monta 'barca' de dispensas para o próximo ano; veja lista

Torcida Organizada do São Paulo projeta 'planejamento ideal' para 2023 (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)


Após a derrota de sábado (5) por 3 a 1 pelo Fluminense, a maior torcida organizada do São Paulo, a Independente, organizou uma lista em forma de protesto opinando quem deve e quem não deve permanecer no elenco do Tricolor paulista para a próxima temporada.

ATUAÇÕES: Luciano marca golaço, mas defesa não consegue parar Cano em derrota do São Paulo

Veja tabela do Campeonato Brasileiro e simule os próximos jogos

Além da organizada, a postagem foi republicada também por Baby, presidente da Independente. Segundo a publicação, a ida para a pré-Libertadores no próximo ano seria um atestado de 'competência' do clube.

Com a derrota para a equipe carioca no Maracanã e o empate do Fortaleza no último domingo (6), o São Paulo caiu para a nona colocação na tabela da competição e depende do encontro com o Internacional nesta terça-feira (8) para voltar ao G8 e seguir na luta pela vaga na Copa Libertadores.

Segundo a Independente, com esta 'barca' de dispensas, o Tricolor paulista economizaria quase três milhões de reais na folha salarial. Entre os nomes citados estão: Reinaldo, Marcos Guilherme, Léo, Miranda, André Anderson, Éder e Jandrei.

Além dos nomes que, segundo a organizada, devem sair, também foram citados os nomes de Igor Gomes, Pablo Maia, Rodrigo Nestor e Luan como 'possibilidades de virar moeda forte para o São Paulo fazer dinheiro'.

Por fim, um planejamento para 2023 também foi sugerido, colocando como 'urgência' a contratação de dois meias-armadores, que conforme a torcida, é a posição que o São Paulo mais necessita no momento.

Veja a postagem completa da torcida organizada Independente: