Torcida do Fortaleza protesta contra o VAR e árbitro pede que faixa seja retirada

Reprodução Premiere
Reprodução Premiere

O clássico entre Fortaleza e Ceará, realizado na noite do último domingo, teve um momento polêmico fora das quatro linhas durante a etapa inicial. Incomodados com as decisões do VAR, a torcida do Leão estendeu uma faixa escrita “Parem! VAI Já chega!”. Ao perceber o protesto na arquibancada, o árbitro Flávio Rodrigues de Souza interrompeu o jogo e só reiniciou o duelo quando a faixa foi recolhida.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Dentro de campo, o atacante Wellington Paulista foi até a torcida, aplaudiu o protesto, mas pediu que a faixa fosse retirada para evitar qualquer tipo de problema contra o clube.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

Nos últimos dois confrontos do Fortaleza, o técnico Rogério Ceni reclamou do VAR. Na opinião do comandante, o seu time foi prejudicado no empate contra o Cruzeiro e na derrota diante do Corinthians.

‘(O Fortaleza) é um time que vem sendo sempre beneficiado pelo VAR, juiz não tem nenhuma dúvida. Fortaleza se sente tranquilo e extremamente justo com a maneira como vem sendo conduzido os jogos. Como nós cansamos de tanto benefício da arbitragem, hoje a gente deixa sem reclamação nenhuma. A gente até se sente envergonhado com tantos benefícios’, disse Ceni na coletiva da última quinta-feira.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter


Leia também