Torcida do Fluminense se revolta com atuação de Egídio na decisão: 'Entrega todo jogo'

·2 minuto de leitura

Praticamente classificado às oitavas da Libertadores e vivendo um momento positivo em seus bastidores, o Fluminense foi a campo neste sábado (15), pelo primeiro jogo da decisão do Carioca, acreditando na possibilidade de surpreender àquele que tem sido dominante na cena local e nacional nos últimos anos: seu arquirrival Flamengo.

O que o torcedor do Fluminense não esperava é que, logo aos 16' do primeiro tempo, seu time tivesse que lidar com um 'fogo amigo' grotesco: em um lance aparentemente inofensivo, com Gerson de costas para o gol de Marcos Felipe, um atabalhoado Egídio cometeu pênalti infantil que originou o primeiro gol da partida. Convertida por Gabriel Barbosa, a penalidade enfureceu os tricolores, que fizeram questão de elencar todas as falhas cometidas pelo camisa 6 em jogos cruciais desde que chegou às Laranjeiras:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Além do pênalti, o experiente lateral esteve em noite muito ruim na marcação, deixando muitos espaços que foram bastante explorados pelo ataque do Flamengo especialmente na etapa inicial. Para a "sorte" de Egídio, o Tricolor mostrou poder de reação mais uma vez na temporada, buscando a igualdade na segunda etapa: resultado final de 1 a 1 que deixou tudo em aberto para a segunda final, dia 22 de maio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos