Torcedores do Rayo Vallecano 'desinfetam' estádio após visita de líder da extrema-direita

LANCE!
·1 minuto de leitura


Nesta terça-feira, o Estádio de Vallecas foi 'desinfetado' por torcedores do Rayo Vallecano, que levaram produtos de limpeza para passar no estádio. O protesto foi feito após a visita de Santiago Abascal, líder do VOX, partido de extrema-direita da Espanha.

Veja a tabela do Espanhol

A visita de Santiago Abascal, líder da extrema-direita espanhola, ao Estádio de Vallecas não passou batida pelos torcedores. Após ser convidado pelo presidente do Rayo, Raúl Martin Presa, para visitar o clube junto de Rocío Monasterio, candidata a prefeita de Madrid, o presidente do VOX viu protestos da torcida da equipe.

A torcida do Rayo Vallecano foi ao estádio com produtos de limpeza e um traje de proteção para 'limpar' Vallecas após a presença de Abascal. O clube e a sua torcida são conhecidos por abraçar pautas vinculadas à esquerda, e a visita de um político de um campo extremo e opositor não agradou.

Após o protesto feito pela torcida do Rayo Vallecano, Santiago Abascal atacou os manifestantes do bairro de Vallecas, também conhecido por tradição operária e de esquerda.

- Vallecas não merece ser conhecida só por causa de alguns energúmenos - disse Santiago Abascal.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.