Torcedores chineses pedem que Tévez não volte da Argentina

O argentino Carlos Tévez, no dia 21 de janeiro de 2017

Os torcedores e meios de comunicação chineses pediram para Carlos Tévez, jogador do Shanghai Shenhua, não voltar de sua viagam à Argentina, definindo o atacante como "um rapaz melancólico".

O jogador mais bem pago do mundo voltou ao seu país para se recuperar de lesão. Isso em meio a rumores que o colocam fora do Campeonato Chinês, apesar da previsão de seu retorno para o final de agosto, quando reiniciam os treinamentos.

O atacante de 33 anos só marcou duas vezes desde que foi contratado. Tevez ficou de fora da metade dos jogos por conta de uma lesão. Os torcedores do Shenhua o acusam de ser indolente e não ter comprometimento, apesar de receber 730 mil euros por semana.

'El Apache', que segundo alguns meios quer deixar o campeonato chinês no final da atual temporada, voou para Buenos Aires para se recuperar de lesão muscular.

Diante dos rumores sobre possível retorno do atacante para o Boca Juniors, um porta-voz do Shanghai disse à AFP que Tevez deve voltar ao clube asiático no final de agosto.

Os torcedores do clube se mostraram menos pacientes e o criticaram abertamente na rede social Weibo, equivalente chinês ao Twitter.

"Não precisa voltar. Podemos enviar suas coisas daqui", escreveu um torcedor. "O sem vergonha do Tevez foi para a Argentina. Que não volte", publicou outro.

"A contratação mais cara da nossa história foi o pior jogador possível. O planejamento da nossa campana foi desastrosa", indicou um terceiro torcedor.