Torcedor sul-coreano vai à Suécia para confrontar CR7 por ausência em amistoso

AFP
Torcedores sul-coreanos esperavam ver o atacante português Cristiano Ronaldo em um amistoso em Seul
Torcedores sul-coreanos esperavam ver o atacante português Cristiano Ronaldo em um amistoso em Seul

Um torcedor sul-coreano irritado viajou até a Suécia para confrontar o astro da Juventus, Cristiano Ronaldo, por não participar de um amistoso disputado em Seul, o último de uma série de fatos que levaram a uma investigação policial.

Em um vídeo de 11 minutos publicado em seu canal do Youtube, que já acumulou quase 3 milhões de visualizações, Kwak Ji-hyuk se aproxima do atacante português em um hotel em Estocolmo.

Quando Ronaldo apareceu na entrada do hotel onde a delegação da Juventus estava hospedada para a disputa da final da International Champions Cup, Kwak gritou em inglês: "Por que você não jogou na Coreia?", e foi ignorado.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Ronaldo ficou no banco de reservas na partida de exibição do mês passado jogada na capital coreana, irritando os torcedores, que ameaçaram com uma queixa coletiva e provocaram um inquérito por suposta fraude.

A polêmica sobre a não participação de Ronaldo se tornou um jogo de empurra, com a liga coreana (K-League) acusando a Juventus de "fraude", uma afirmação negada rapidamente pelo clube italiano.

Depois que um processo foi apresentado contra Ronaldo, a Juventus e a agência sul-coreana que organizou a partida, a polícia deu início à investigação.

Leia também