Torcedor do Galo comete injúria racial contra segurança no Mineirão

Yahoo Esportes
Torcedor que cometeu injúria racial contra segurança (Reprodução-Lucas Von Dollinger)
Torcedor que cometeu injúria racial contra segurança (Reprodução-Lucas Von Dollinger)

Após a partida entre Cruzeiro e Atlético neste domingo (10), um torcedor do Galo foi flagrado cometendo injúria racial com um dos seguranças que acompanhavam os alvinegros, considerados visitantes no clássico.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

No vídeo feito pelo jornalista Lucas Von Dollinger e postado em seu Twitter que mostrava uma confusão entre torcedores e seguranças, um dos torcedores reclama de um profissional negro e diz: “Você pôs a mão em mim, olha a sua cor”.

Os seguranças foram alvos de diversos protestos da torcida do Atlético, incluindo o ex-deputado estadual Iran Barbosa, que reclamava que os seguranças travavam a saída de emergência do Mineirão. Nas redes sociais, Barbosa repudiou o ato racista, mas afirmou que os seguranças colocaram as vidas dos torcedores em risco.

Leia também:

O clássico ficou marcado por confusões fora de campo. Antes da partida, a Polícia Militar prendeu 76 torcedores do Cruzeiro, de diferentes torcidas organizadas. Depois, a PM teve que repreender torcedores do Galo que tentaram invadir camarotes ocupados por cruzeirenses.

Em suas redes sociais, o Atlético postou um comunicado sobre os acontecimentos: "O Clube Atlético Mineiro repudia veementemente qualquer ato de violência, incluindo racismo, injúria ou ofensa moral, seja no estádio ou fora dele. As diversas imagens que circulam em redes sociais são lamentáveis e devem ser objeto de rigorosa apuração. O Clube se coloca à disposição das autoridades policiais, pede o máximo rigor e urgência nas investigações sobre os fatos ocorridos hoje no Mineirão."

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também