Torcedor agredido por Samuel Eto'o no Qatar presta queixa do ex-jogador e revela o que gerou confusão

Eto'o foi denunciado por agressão (Foto: Reprodução / Instagram)


Agredido pelo ex-jogador Samuel Eto'o nos arredores do estádio 974, logo após o duelo entre Brasil e Coreia do Sul, o torcedor Sadouni publicou em seu Instagram que prestou queixa em uma delegacia de Doha contra o presidente da Federação Camaronesa de Futebol, e revelou o que disse para gerar a confusão.

Segundo Sadouni, ele apenas perguntou sobre Bakary Gassama, que foi o árbitro que apitou o segundo jogo da repescagem das eliminatórias africanas para a Copa do Mundo entre Argélia e Camarões.

+ Quem é ‘Machadez’? Conheça produtor do hit que foi parar nas comemorações de Neymar e Vini Jr


- Juro por Deus, juro por Deus Todo-Poderoso, ele me bateu, e há provas. Depois de uma investigação, publicarei um vídeo para vocês. Há testemunhas disto, e o Qatar vai preservar meu direito de te ver quando sairmos da delegacia, estou num centro de investigação - escreveu Sadouni.

+ Quem é Roy Keane? Conheça ex-jogador que criticou dancinhas da Seleção Brasileira na Copa

Confira a publicação do torcedor:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.