Top 10 do mundo, Ymanitu Silva faz dobradinha e é campeão na Turquia

·2 minuto de leitura


Depois de vencer no começo da semana passada o Kemal Sahin Open, Ymanitu Silva conquistou neste final de semana o Sahin Kirbihik Open, também em Antália, na Turquia, faturando a dobradinha em ambos os torneios com premiação de US$ 22 mil cada na categoria Quad do Tênis em Cadeira de Rodas.

O catarinense Ymanitu, 10º do mundo, derrotou na final o americano Bryan Barten, 12º colocado e ex-top 5, por 6/4 6/3.
"Foi mais uma semana intensa aqui na Turquia, onde venta muito, então tive que me adaptar ao local e foi ótima a sensação de voltar a competir e melhor ainda sair campeão de simples e duplas por semanas seguidas, mas ainda a muito que treinar", disse Ymanitu que comentou sobre a final de simples: "A final foi contra o americano Bryan Barten, onde já temos um vasto histórico de confrontos. Sempre é um jogo pegado e tenso, o primeiro efetuei a quebra numa hora importante no 4/4 e saquei pra fechar o 1º set. Já no segundo foi mais tranquilo e fechei por 6/3."



Nas duplas, Ymanitu e o sul-coreano Kyu Kim foram os campeões vencendo seus dois jogos no torneio disputado em formato round-robin.
Ymanitu disputaria o torneio de Ramat-Hasharon, em Israel, mas diante dos conflitos naquele país o evento foi cancelado. O calendário seguia para o torneio na França, mas o catarinense optou por retornar ao Brasil e explicou: "A França está exigindo uma quarentena obrigatória de 10 dias isolados no quarto.Devido ao alto custo desse isolamento estou retornando pra casa".
O atleta completa a gira europeia com três títulos (terceiro em Vilamoura, em Portugal) e o vice do quali do Mundial, classificando o Brasil para o Mundial da categoria na Itália, em outubro.
Ele está perto da qualificação para a Paralimpíada de Tóquio, no fim de agosto. Necessita estar no top 12 do ranking mundial.