Tom Brady é perseguido por Jane Fonda e Sally Field em sua estreia nos cinemas

*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 16.04.2015 - TOM BRADY - Festa da Colcci para a modelo Gisele Bündchen. (Foto: Raquel Cunha/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 16.04.2015 - TOM BRADY - Festa da Colcci para a modelo Gisele Bündchen. (Foto: Raquel Cunha/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Esqueça a situação atual do jogador de futebol americano Tom Brady: recém-separado da modelo brasileira Gisele Bûndchen e processado (ao lado da ex-mulher) por recomendar criptomoedas da corretora FTX, que entrou em colapso.

Há cinco anos, em 2017, Brady estava no auge. Tinha acabado de ganhar o seu quinto Super Bowl como o astro do New England Patriots e seguia casado. É neste passado recente que se passa a comédia "80 for Brady" (ainda sem título em português), que marca a estreia do atleta nos cinemas interpretando ele mesmo.

Na trama, inspirada em uma história real, quatro melhores amigas na casa dos 80 anos são muito fãs do jogador e decidem fazer de tudo para vê-lo jogar na final do campeonato americano de futebol, o Super Bowl.

Um time de peso foi escolhido para dar vida às protagonistas: Sally Field, Rita Moreno, Jane Fonda e Lily Tomlin --esta duas últimas que estrelam juntas a divertida sitcom "Grace and Frankie".

O trailer já divulgado dá uma prévia das situações inusitadas que o quarteto enfrentará para ver Brady em campo. Sally Field participa de um concurso de comer asinhas de frango apimentadas. Jane Fonda paquera o jogador Rob Gronkowski. Rita Moreno tenta driblar a segurança do estádio. E Tomlin é quem convence as amigas de que elas devem fazer a viagem para ver Brady.

O filme estará nos cinemas nos Estados Unidos em fevereiro do ano que vem. Não há previsão para estreia no Brasil.