Toledo, Mineirinho e Wiggolly passam para quarta fase em Bells Beach

Na conclusão das baterias de terceira rodada da etapa de Bells Beach, na Austrália, pelo Mundial de Surfe, os brasileiros que ainda restavam entrar na água se deram bem, e conseguiram vencer seus confrontos para garantir passagem até a próxima fase e continuar na briga pelo título da etapa. Ao contrário de Gabriel Medina, que acabou eliminado, Filipe Toledo, Mineirinho e Wiggolly Dantas conseguiram a classificação em suas baterias.

O primeiro a competir foi Filipinho, na oitava bateria da fase, diante do australiano Adrian Buchan. Com direito a uma espetacular onda de 9.77 em pontuação, Toledo somou 18.27 em sua nota geral, o bastante para superar 15.56 de seu oponente e se classificar.

Logo na bateria seguinte, foi a vez de Mineirinho ir para a água, diante do francês Jeremy Flores. Adriano de Souza também esteve inspirado em seu desempenho, cravou 9.00 em uma de suas ondas e contabilizou 16.53 no total, enquanto Flores, com 15.50, foi eliminado.

Wiggolly Dantas foi o próximo a entrar na água e teve confronto bastante acirrado contra Matt Wilkinson, australiano que é o atual campeão da etapa de Bells Beach e defendia seu título. O brasileiro triunfou por alguns décimos, marcando 13.73 contra 13.00 do rival.

Campeões nas duas primeiras etapas do ano, Owen Wright e John John Florence também triunfaram em suas baterias e seguem na disputa. A próxima chamada para realização da quarta fase, caso as condições do mar sejam as ideais, ocorre na noite desta segunda-feira (já terça-feira na Austrália).

Baterias da quarta fase da etapa de Bells Beach:

1: Federico Morais (POR) x Caio Ibelli (BRA) x Owen Wright (AUS)

2: Mick Fanning (AUS) x Sebastian Zietz (HAV) x John John Florence (HAV)

3: Ezekiel Lau (HAV) x Filipe Toledo (BRA) x Adriano de Souza (BRA)

4: Wiggolly Dantas (BRA) x Joel Parkinson (AUS) x Jordy Smith (AFR)