'Tive medo de errar um passe, e ser agredido na rua', diz Pedrinho

LANCE!
·1 minuto de leitura


O comentarista Pedrinho revelou situações nada agradáveis de quando era atleta. O ex-jogador contou que já foi ameaçado por torcedores e que tinha medo de tomar certas decisões em campo com medo de ser agredido. Ele ainda ressaltou que ameaças não fazem com que os jogadores melhorem de rendimento em campo.


>> Veja a classificação do Campeonato Brasileiro


- Tive medo de errar um passe, medo de tentar algo diferente e ser agredido na rua. Eu nunca melhorei o meu futebol porque recebia ameaças, muito pelo contrário, eu sou um ser humano, tive medo - disse Pedrinho no programa "Seleção SporTV".

Pedrinho pediu uma intervenção do Ministério Público e leis mais severas para que esse tipo de situação não aconteça mais.

- Eu já fui ameaçado por torcedor, já fui quase agredido e isso faz tempo, mas a gente não vê mudança - lamentou.

Nesta semana, torcedores do Flamengo protestaram contra a diretoria, jogadores e o técnico Rogério Ceni após as derrotas para Fluminense e Ceará nas últimas duas rodadas do Campeonato Brasileiro. No último mês, membros de organizadas invadiram o CT do Vasco também para cobrar jogadores e treinador.