Tite vê Neymar como o melhor mundo nos últimos quatro meses

Para o treinador da Seleção Brasileira, Tite, Neymar tem sido o melhor jogador do mundo nos últimos quatro meses. Segundo o comandante ainda é muito cedo para colocar o nome do brasileiro entre os de Cristiano Ronaldo e Messi, porém o momento do atacante é excepcional.

“Neymar vive a melhor fase de sua carreira. Mas compará-lo com Cristiano Ronaldo e Messi, não é justo, são gerações diferentes. Nos últimos dez anos, ele não é. Para mim, o melhor do mundo é Messi. Mas, para ser direto, nos últimos quatro meses, o melhor do mundo é Neymar”, afirmou Tite em entrevista à Radio Bandeirantes.

O treinador explicou ainda o porquê e os bastidores da escolha de Neymar como capitão na última partida das Eliminatórias Sul-Americanas, a vitória de 3 a 0 sobre o Paraguai que garantiu a Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2018.

“Às duas da tarde, fui procurá-lo no quarto e falei que tinha chegado o momento de ele ser o capitão. Não quis fazer isso logo depois da Olimpíada, com toda a carga de emoção, não era o momento. Conversei com ele e disse que em algum momento isso aconteceria. Passados uns quatro jogos, Neymar veio conversar comigo e se colocou à disposição. Fui ao quarto dele, e disse: ‘Neymar, acredito que chegou o seu momento de ser capitão’. Eu coloquei que era importante, mas disse: ‘quero que você se sinta confortável’. Ele disse: ‘Doutor, pode contar comigo, dividir a responsabilidade. Eu estou pronto'”, revelou Tite.

O treinador comentou ainda sobre a saída de Rogério Micale do comando da Seleção Brasileira sub-20. Micale, vencedor da inédita conquista olímpica, chegou a reclamar que Tite não o respaldou após o insucesso no Sul-Americano sub-20.

“Tenho um respeito profissional e pessoal com Micale, porém meu trabalho é na Seleção principal. Eventualmente tentar ajudar no trabalho de outras categorias. A conquista do ouro olímpico foi inteiramente do fruto do trabalho dele e de sua comissão, mas meu trabalho é na Seleção principal”, completou o comandante.