Tite divulga lista de convocados para a disputa da Copa América

·3 minuto de leitura
Lucas Paquetá (esq.) e Neymar foram os autores dos gols da vitória do Brasil sobre o Paraguai em Assunção em 8 de junho de 2021 pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar-2022

O técnico da seleção brasileira Tite anunciou nesta quarta-feira a lista de jogadores convocados para tentar o bicampeonato da Copa América, que deve começar no domingo no Brasil.

Ausente (por lesão) da equipe que venceu a última edição desse que é o torneio de seleções mais antigo do mundo, também no Brasil, em 2019, Neymar vai comandar a 'Canarinha' na luta por seu décimo título da Copa América, torneio muito criticado por ocorrer em um país duramente atingido pela pandemia.

O artilheiro das eliminatórias sul-americanas, ao lado do boliviano Marcelo Moreno, com cinco gols cada, terá a companhia de outros 23 jogadores convocados por Tite para a sétima e oitava rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar-2022.

A única ausência do elenco que derrotou Equador e Paraguai por 2 a 0, e que consolidou o Brasil como líder isolado, com uma campanha 100% de 18 pontos em seis jogos, é o zagueiro Rodrigo Caio, do Flamengo, que havia sido convocado para substituir o lesionado Thiago Silva.

O experiente zagueiro do Chelsea deve se recuperar para os duelos da Copa América, em que o Brasil estreia contra a Venezuela no domingo, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Neymar e Thiago Silva vão se juntar a outros astros como os goleiros Alisson e Ederson, o zagueiro Marquinhos, o meia Casemiro e os atacantes Roberto Firmino, Gabriel Jesus, Vinicius Jr e Gabriel Barbosa, o "Gabigol".

- Daniel Alves e Coutinho fora -

Dos 24 convocados, apenas três atuam no campeonato brasileiro: o goleiro Weverton (Palmeiras), o meia-atacante Everton Ribeiro (Flamengo) e Gabigol, atacante do Flamengo.

Os lesionados Daniel Alves (São Paulo), capitão e considerado o melhor jogador da Copa América-2019, e Philippe Coutinho (Barcelona) são os grandes desfalques da Seleção.

O Brasil é o cabeça de chave do Grupo B, onde também estão Colômbia, Peru, Equador e Venezuela. A Argentina comanda o Grupo A, do qual participam Uruguai, Paraguai, Chile e Bolívia.

Os quatro melhores de cada chave se classificam para as quartas de final.

Questionada por ter sido realizada em um país fortemente atingido pela pandemia, com mais de 475 mil mortos, a Copa América no Brasil ainda precisa superar um último obstáculo após as retiradas, semanas atrás, da Argentina e da Colômbia, sedes originais de um torneio que deveria ter sido realizado no ano passado, mas foi adiado devido à pandemia de covid-19.

O Supremo Tribunal Federal vai votar na quinta-feira duas ações judiciais, movidas por um partido de oposição e um sindicato, que buscam que o campeonato, apoiado pelo governo do presidente Jair Bolsonaro, não seja disputado por motivos sanitários.

-- Convocados para a seleção brasileira:

Goleiros: Alisson (Liverpool, ING), Ederson (Manchester City, ING), Weverton (Palmeiras).

Defensores: Alex Sandro (Juventus, ITA), Danilo (Juventus, ITA), Emerson (Barcelona, ESP), Renan Lodi (Atlético de Madrid, ESP), Éder Militão (Real Madrid, ESP), Felipe (Atlético de Madrid, ESP), Marquinhos (Paris Saint-Germain, FRA), Thiago Silva (Chelsea, ING).

Meias: Casemiro (Real Madrid, ESP), Douglas Luiz (Aston Villa, ING), Everton Ribeiro (Flamengo), Fabinho (Liverpool, ING), Fred (Manchester United, ING), Lucas Paquetá (Lyon, FRA).

Atacantes: Everton (Benfica, POR), Gabriel Barbosa (Flamengo), Gabriel Jesus (Manchester City, ING), Neymar (Paris Saint-Germain, FRA), Richarlison (Everton, ING), Roberto Firmino (Liverpool, ING), Vinicius Jr (Real Madrid, ESP).

raa/mel/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos