Tio de Mayweather afirma que UFC pediu 80% da bolsa para liberar McGregor

A luta entre Floyd Mayweather e Conor McGregor parece cada dia mais próxima de sair do papel. No entanto, um novo fator foi recentemente adicionado aos rumores sobre o duelo. De acordo com o tio do veterano pugilista, o UFC estaria exigindo 80% da bolsa destinada ao irlandês.

Em entrevista ao canal Eyes On The Game, Jeff Mayweather revelou que a empresa dirigida por Dana White colocou a quantia como fundamental para que Conor, campeão dos pesos-leves  (70 kg), possa competir fora de seu atual contrato com a organização.

“A última coisa que ouvi é que o Conor tinha que dividir 80-20. Ele ficaria com 20% para ser permitido a lutar. Dana é seu chefe. Ele ainda faria mais dinheiro do que jamais fez, mas mesmo assim é muito duro. Se eu disser que vou tirar 80% do seu dinheiro sendo que é você é quem vai lutar…”, narrou

Como argumento de que sua tese fazia sentido e de que os atletas ainda não tinham assinado os contratos, Jeff apontou para a academia do atleta, na cidade de  Las Vegas, que por não estar fechada para visitas é um claro sinal d que Floyd ainda não decidiu focar exclusivamente em seu treinamento.