Tino Marcos se despede da TV em entrevista no 'Bem, amigos!': 'Vivi o que poderia imaginar de melhor'

LANCE!
·2 minuto de leitura


Após anunciar sua aposentadoria, o repórter Tino Marcos se despediu da TV durante o programa "Bem, amigos!" desta segunda-feira, no SporTV. O jornalista falou sobre suas motivações para deixar a televisão e se emocionou ao lado de Galvão Bueno, com quem dividiu muitas partidas e eventos esportivos, conversando sobre sua carreira.

> Confira a classificação atualizada da reta final do Brasileirão 2020

- Muita gente se surpreende, diz que eu estou saindo prematuramente, mas na verdade é um projeto meio que secreto que eu tinha, que eu visualizava a possibilidade de sair bem. Como se um casamento acabasse antes da primeira briga, antes do primeiro desgaste. Ou como eu dizia outro dia, é como estar a mesa e não comer até se empanturrar, e sim um pouquinho antes e agora eu espero ter uma digestão muito leve, muito legal, porque é uma decisão muito amadurecida e muito serena também - disse Tino Marcos.

- Claro que sentirei saudades de muitas coisas. Mas acho que a vida é feita de ciclos e a gente tem que entender, ou prever, a hora que um ciclo não vai continuar da mesma maneira que era e eu, realmente, fico com a sensação maior de gratidão por tudo isso que eu vivi - concluiu o repórter.

Tino também brincou com Galvão ao simular uma chamada durante uma partida. "Galvão", chamou o repórter, "Diga lá, Tino", respondeu o narrador. "Vazei", concluiu Tino Marcos.

- O Tino Marcos é uma unanimidade em todos os sentidos. Ele é um grande contador de histórias, é o Pelé da reportagem esportiva. Ele marcou como contador de histórias nas reportagens que fez, ele marcou como repórter em campo, molhado na chuva. Conseguimos fazer uma dupla de 31 anos. Eu não sei o que será do narrador Galvão sem o Tino Marcos do outro lado - disse o veterano narrador da Rede Globo.

Fora da TV, Tino Marcos também recebeu homenagens de atletas e figuras públicas pelo seu trabalho histórico.