Chile sediará a Copa América feminina em 2018

Santiago (Chile), 26 abr (EFE).- A oitava edição da Copa América feminina será disputada no Chile em 2018, segundo informou a Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP) do Chile.

"Temos uma tremenda notícia. Conseguimos: A Copa América feminina 2018 será disputada no Chile", anunciou a federação em suas redes sociais.

A competição continental concederá 2,5 vagas para a Copa do Mundo, que será disputada na França em junho de 2019. Também serão concedidas duas vagas para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020, e quatro para os Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019.

Esta será a primeira vez que o Chile sediará o torneio. O país já foi o anfitrião da Copa América masculina em 2015, que terminou com a seleção da casa como campeã.

O Brasil recebeu as duas primeiras edições da Copa América feminina, em 1991 e 1995. A Argentina foi sede em 1998 e 2006, o Peru foi o organizador da competição em 2003, e o Equador foi o anfitrião das edições de 2010 e 2014.

A seleção brasileira é a maior vencedora do torneio, com seis títulos nas sete edições disputadas. Em 2006, as brasileiras foram vice-campeãs e o título ficou com as argentinas. EFE