Time misto do Verdão recebe Audax por melhor campanha do Paulista

Melhor defesa e segundo melhor ataque do Campeonato Paulista, o Palmeiras pode se estabelecer como a melhor campanha geral do Estadual neste sábado. Para isso, o Verdão só depende de uma simples vitória no confronto com o Audax, às 16h (de Brasília), no Estádio Palestra Itália. A equipe de Osasco, porém, precisa do triunfo para fugir da zona de rebaixamento.

O Palmeiras soma 24 pontos, contra 20 do segundo colocado Corinthians. Restando apenas um jogo, o Verdão precisa de apenas um triunfo para terminar com a melhor campanha do Paulistão, o que garantirá ao time de Eduardo Baptista a vantagem de fazer o segundo jogo das quartas de final do torneio no Palestra Itália, além de jogar em seu estádio a partida decisiva de uma possível semifinal e final.

“A gente sempre estabelece pequenos objetivos próximos. Primeiro, era ser o primeiro do grupo. Depois, queríamos o primeiro lugar geral. Objetivo a cada dia é manter as vitórias. É você se acostumar a vencer, a pensar em ser campeão em todas as competições que disputar”, disse o técnico Eduardo Baptista.

A partida será mais uma oportunidade dos reservas do Palmeiras mostrarem serviço para Eduardo Baptista. Depois de bater o Mirassol utilizando time misto, também no Palestra Itália, o treinador do Verdão não fez mistério e confirmou a formação que entrará em campo com Jailson; Fabiano, Antônio Carlos, Vitor Hugo e Zé Roberto; Thiago Santos; Róger Guedes, Michel Bastos, Tchê Tchê e Keno; Alecsandro.

Leia mais:

Com início promissor, Eduardo só perde para Luxa em aproveitamento

Do outro lado, o Audax entra em campo com a corda no pescoço para escapar do rebaixamento da Série A2 do Campeonato Paulista, que prevê a queda das duas piores campanhas no torneio. Com oito pontos ganhos, o time de Osasco é o lanterna no ranking geral, atrás da Ferroviária, com nove, São Bernardo e São Bentos, com dez, e Santo André, com 11.

“Surpreende (a má fase do Audax), sim. Pelo campeonato que fez ano passado e pela qualidade que mostra com o Fernando Diniz. Precisamos respeitar, sabemos que é um grande treinador. Sabemos que vamos encontrar dificuldades. Eles precisam vencer, mas esperamos conquistar a vitória”, revelou o lateral-direito Fabiano, do Palmeiras.


Audax está em situação complicada no Campeonato Paulista

“Vamos enfrentar uma das melhores equipes do campeonato e nos encontramos em uma situação extremamente delicada. Sabemos da importância que vai ser para nossa equipe esse jogo. É como uma final de campeonato. Temos que ter muita paciência, nos unir cada vez mais para fazer um grande jogo”, afirmou o goleiro Felipe Alves.

No ano passado, o Audax enfrentou o Palmeiras em situação bem diferente. A equipe, que foi vice-campeã paulista em 2016 sob o comando de Fernando Diniz, encarou o Verdão na reta final da fase de classificação precisando do triunfo para avançar ao mata-mata – resultado que foi obtido no Estádio Prefeito José Liberatti, por 2 a 1.

“Sem dúvida mais uma vez o Palmeiras vai ser decisivo na nossa vida. No ano passado precisamos passar por eles para depois crescer na competição e nesse ano teremos que passar outra vez, agora fora de casa, pra sair da zona de rebaixamento”, completou o goleiro.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X AUDAX

Local: Palestra Itália, em São Paulo (SP)

Data: 25 de março de 2017, sábado

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Luiz Alberto Andrini Nogueira

PALMEIRAS: Jailson; Fabiano, Antônio Carlos, Vitor Hugo e Zé Roberto; Thiago Santos; Róger Guedes, Michel Bastos, Tchê Tchê e Keno; Alecsandro

Técnico: Eduardo Baptista

AUDAX: Felipe Alves; Matheus Vargas, Felipe Rodrigues, André Castro, Magal e Hugo; Matheuzinho, Bruno e Rafinha; Léo Melo e Marcus Vinícius

Técnico: Fernando Diniz