Tiago Nunes vê gols da Ponte como 'acidentes' e projeta Libertadores

Tiago Nunes tem que decidir qual será o substituto de Ramiro (Foto: Marco Galvão/Fotoarena)
Tiago Nunes tem que decidir qual será o substituto de Ramiro (Foto: Marco Galvão/Fotoarena)


Tiago Nunes afirmou que o Corinthians precisa tirar lições após a terceira rodada do Campeonato Paulista. Nesta quinta-feira, o Timão perdeu para a Ponte Preta por 2 a 1, no Moisés Lucarelli. Com uma atuação ruim no primeiro tempo e com erros que ocasionaram os gols, o treinador afirmou que foram 'acidentes' e que podem ser concentrados. Para complementar, o comandante ressaltou que a equipe não precisa entrar pilhada em campo na Libertadores.

– Posso parecer um pouco chato com isso, mas penso que em todas as partidas você leva algumas lições. A gente continua aprendendo, a equipe vai se fortalecendo. Tivemos dificuldades, principalmente, no primeiro tempo de conter o contra-ataque da Ponte Preta. Essas questões pontuais no momento dos gols. No meu ponto de vista dois acidentes. Depois disso, que eu me recorde, a Ponte teve apenas uma chance no jogo. E depois, nós, fomos soberanos dentro da partida.

TABELA
VEJA E SIMULE A CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO PAULISTA

Para relembrar, o Corinthians levou os dois gols após saídas de bola errada. Madson e Richard erraram passes que deram origem aos gols da Ponte Preta. O time do técnico Tiago Nunes também não conseguiu ter melhor sorte na partida graças à grande atuação do goleiro Ygor, que defendeu um pênalti de Luan.

O treinador já projeta o duelo pela Libertadores. No dia 5, o Corinthians visita o Guaraní em Assunção, no primeiro jogo da segunda fase do torneio.

– Com a Libertadores, que se aproxima e com as características de jogo, não podemos ficar pilhados e temos que manter o controle. Mas ao mesmo tempo tivemos coisas boas, situações positivas, como o volume de chances criadas. E pensando no aprimoramento da equipe, tenho confiança que vamos crescer.

O técnico explicou o motivo de ter começado com Cantillo no banco de reservas. O jogador, que entrou no segundo tempo, teve ótima atuação.

– Cantillo entrou muito bem. É um atleta que vinha atuando, desde o Torneio da Flórida, na equipe principal. Ele não foi liberado a tempo, só hoje, às 19 horas. Eu não tenho por característica ficar mudando jogador em cima da hora, depois de já ter treinado. Ele entrou no decorrer, faz uma bela partida, conseguiu acelerar nosso passe. Ele tem a qualidade de trocar a bola de lado com muita qualidade,se complementa com o Camacho, que fez uma boa partida. Tem tudo para fazer uma temporada bonita.

Agora, o Timão volta a campo no próximo domingo, às 11h, para o clássico contra o Santos, em Itaquera. Com a derrota, a equipe parou nos quatro pontos e caiu para a segunda colocação do Grupo D.
















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também