Tia Má reprova fala de Rodolffo sobre cabelo de João: "Insistem em nos ridicularizar"

Giselle de Almeida
·2 minuto de leitura
Maíra Azevedo, a Tia Má. Foto: reprodução/Instagram/tiamaoficial
Maíra Azevedo, a Tia Má. Foto: reprodução/Instagram/tiamaoficial

Resumo da notícia

  • Tia Má usou as redes sociais para criticar as falas racistas de Rodolffo no "BBB21"

  • O sertanejo associou o cabelo de João ao de um homem das cavernas

  • Ela lembrou que "piadas" do tipo minam a autoestima de pessoas negras

Os comentários de Rodolffo sobre os cabelos de João no "Big Brother Brasil" continuam repercutindo dentro e fora do reality. Além da reação de Ludmilla, durante o show do último sábado (3), as falas racistas foram duramente criticadas nas redes sociais, inclusive por ativistas como Maíra Azevedo, a Tia Má, que apontou o quão problemáticas são as "piadas" com a aparência de pessoas negras.

"A gente fala tanto e ainda insistem em nos ridicularizar por conta da nossa aparência. E esses comentários sobre os cabelos crespos foram naturalizados e tratados como brincadeiras. Quantas de nós choramos ao ouvir que éramos a 'Nega do cabelo duro que não gosta de pentear'", escreveu ela, no Twitter.

Leia também:

João chegou a chorar, durante um desabafo com Camilla de Lucas sobre a situação. O professor disse que se sentiu muito desconfortável com a declaração do sertanejo, que comparou a peruca do castigo do monstro ao black power do brother, mas na hora ficou sem reação. Ele ganhou um abraço da sister, que entendeu como isso é natural diante de atitudes racistas. 

"O comentário de Rodolffo, de comparar o cabelo de João Pedrosa à aparência de um homem das cavernas, é uma afronta a nossa ancestralidade, a nossa cultura e a nossa história. Ao movimento Black is Beaufiful, que possibilitou aos nossos e às nossas que construíssem a sua autoestima!", refletiu Tia Má.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Ela rebateu ainda alguns argumentos de internautas que tentaram defender o cantor. "Não inventem desculpas, não amenizem, não nos subestimem ao dizer que é apenas uma forma de falar. Isso é real! E tem uma intenção. Minar o nosso autoamor, de nos associar à imagem de um primata!", disse.

O desabafo terminou com um pedido muito similar ao de Ludmilla, que, sem citar o episódio diretamente durante seu show no programa, exigiu respeito e emocionou os participantes. "Que as pessoas que pensam como Rodolfo saibam que nossa aparência não é coisa do passado, nós somos o futuro, o afrofuturo! Respeitem nossos cabelos crespos!", finalizou Tia Má.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.