Thiem se recupera e vence Tsitsipas em Pequim; Melo fica com vice nas duplas

O austríaco Dominic Thiem suou a camisa, começou perdendo e venceu de virada o grego Stefanos Tsitsipas na grande decisão do ATP 500 de Pequim, na manhã deste domingo. Foram 2 horas e 12 minutos de confronto, que tiveram parciais de 3/6, 6/4 e 6/1 para o vencedor.


Este foi o segundo troféu de Thiem na temporada em quadra sintética, sendo o primeiro deles em Indian Wells, em março. Além desses, também soma os títulos de Barcelona e Kitzbuhel – Thiem ainda alcançou o vice em Roland Garros. Com o resultado conquistado, ele aumentou para 15 o número de títulos na carreira, em 24 finais disputadas. Com a vitória, além do título, Thiem também está garantido no ATP Finals, em Londres, ao lado de outros grandes tenistas.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O começo foi bastante nervoso, com os dois jogadores agressivos ofensivamente a todo o tempo, buscando pontos tanto nas paralelas quanto em tentativas junto à rede. Os tenistas trocaram quebras nos primeiros games, mas o grego aproveitou o terceiro break-point do oitavo game e confirmou 5/3, para depois apenas fechar.

No segundo set, começou a recuperação de Thiem. Ele sobreviveu a três break-points e conseguiu empatar os sets após se sair muito bem nos backhands. Tsitsipas, por outro lado, sentiu o revés e abaixou um pouco a intensidade, mais cauteloso, com o austríaco levando a melhor nos pontos decisivos. Assim, o terceiro set foi dominado por Thiem, que fechou em 6/1.

Cue the confetti in 3…2…🥳🎊@ThiemDomi | #ChinaOpen pic.twitter.com/PrLG9UStS3

— ATP Tour (@atptour) October 6, 2019

Marcelo Melo e Kubot ficam com o vice

Disputando a final das duplas, o brasileiro Marcelo Melo e seu parceiro polonês Lukasz Kubot acabaram derrotados pela dupla croata-eslovaca formada por Ivan Dodig e Filip Polasek, em parciais de 6/3 e 7/6 (7-4). Com isso, eles ficaram com o vice no ATP 500 de Pequim, na competição onde defendiam o título.

Leia também