Thiago Silva tem lesão confirmada na coxa, mas não será cortado da Seleção

·1 minuto de leitura
***ARQUIVO***São Petersburgo, , Russia, 21-06-2018:  Copa Russa 2018. Escolhido por Tite  para ser o  capitao  contra a Costa Rica, Thiago Silva durante inicio de coletiva no estadio de Sao Petersburgo.  (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)
***ARQUIVO***São Petersburgo, , Russia, 21-06-2018: Copa Russa 2018. Escolhido por Tite para ser o capitao contra a Costa Rica, Thiago Silva durante inicio de coletiva no estadio de Sao Petersburgo. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - O zagueiro Thiago Silva, do Chelsea, realizou exames neste domingo (30), em Portugal, para saber a extensão da lesão sofrida neste sábado (29) durante a final da Liga dos Campeões da Europa, contra o Manchester City. As imagens constataram uma lesão muscular na coxa esquerda e, após avaliação, o jogador não será cortado do grupo da Seleção Brasileira.

A decisão foi tomada após o médico da CBF, Rodrigo Lasmar, analisar as imagens e apresentar a situação para Tite e sua comissão técnica. A convocação está mantida e ele se apresentará na Granja Comary para se recuperar e estar disponível para as partidas contra Equador e Paraguai.

Thiago sentiu o incômodo aos 38 minutos do primeiro tempo da partida e precisou ser substituído. Ao final da partida, voltou ao campo para comemorar o primeiro título de Champions League da vitoriosa carreira. O brasileiro, de 36 anos, tem 93 partidas pela Seleção Brasileira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos