Thiago Mendes lamenta eliminações e aponta foco de Ceni em bolas paradas

Após o treinamento desta terça-feira o São Paulo terá mais oito dias para trabalhar antes do seu próximo confronto oficial, que acontece apenas no dia 11 de maio, contra o Defensa y Justicia, da Argentina, pela volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. Fora da decisão do Paulista e também das oitavas de final da Copa do Brasil, Thiago Mendes espera que a equipe trabalhe em cima dos erros cometidos nas eliminações para terminar essa intertemporada forte.

“Queria estar jogando, disputando uma final, mas essa semana estamos trabalhando forte. O Rogério Ceni está corrigindo o que erramos bastante, então quando chegar na hora do jogo vamos estar acertando o tempo todo, não se preocupar com o time adversário. Estamos trabalhando para classificar”, disse Thiago Mendes antes de revelar o que mais incomoda o técnico são-paulino. “Todos vocês puderam acompanhar nos jogos. Nós sofremos muitos gols de bola parada, estamos corrigindo isso para não acontecer na quinta-feira [11/05]”.

Posteriormente ao torneio continental, o Tricolor estreará no Campeonato Brasileiro, contra o Cruzeiro, dia 14 de maio, no Mineirão. O time de Rogério Ceni voltará ao local onde, segundo os jogadores do próprio elenco, fez sua melhor partida do ano, e por conta do longo tempo para trabalhar, o treinador pode voltar com seus comandados de Belo Horizonte com mais uma boa atuação.

A Copa Sul-Americana se mostra como uma boa alternativa ao São Paulo para chegar à Libertadores, no entanto, o time quer iniciar bem o Brasileirão para garantir uma estabilidade na disputa por pontos corridos. Pelo fato de ser um dos únicos grandes clubes do país que não dividirão seus esforços com um outro torneio de grande expressão, ainda que esteja encarando a Sul-Americana com a mesma seriedade, o Tricolor mira se estabelecer entre os primeiros colocados da competição nacional desde o início.

“Força de vontade. O São Paulo tem que ter força de vontade para chegar no Brasileiro e não cometer erros bobos contra times pequenos, deixar eles roubarem pontos. Então acho que o São Paulo tem que entrar ligado o tempo todo, desde o início, porque o primeiro turno é fundamental para quem quer ser campeão”, comentou Thiago Mendes.

São exatamente 18 dias que marcarão o intervalo do São Paulo entre o clássico contra o Corinthians, em Itaquera, pelo jogo de volta da semifinal do Paulistão, e o duelo contra o Defensor y Justicia, da Argentina, pela Copa Sul-Americana. Diante desse longo período sem disputas, a dúvida que fica é se o tempo para realizar ajustes surtirá efeito, uma vez que o time não tinha uma semana cheia para trabalhar desde o dia 5 de fevereiro.

*Especial para a Gazeta Esportiva