Tetra com a seleção, Branco deixa UTI após ser internado com Covid-19

·1 minuto de leitura
17/7/1994 Football World Cup 1994, The Final, Brazil v Italy, Branco celebrates the World Cup victory. (Photo by Mark Leech/Getty Images)
Branco foi campeão com a Seleção na Copa de 1994 (Mark Leech/Getty Images)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Tetra com a seleção brasileira em 1994, o ex-lateral esquerdo Branco, 56, deixou a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) nesta quarta-feira (31), depois de 12 dias, período no qual precisou ser intubado em decorrência da Covid-19.

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

O ex-jogador, que atualmente é coordenador das categorias de base da seleção brasileira, deu entrada no último dia 17 em um hospital da zona sul do Rio de Janeiro e apresentou piora em seu quadro clínico dois dias depois, tendo a necessidade de ventilação mecânica para conseguir respirar.

Leia também:

A esposa do ex-jogador comemorou a recuperação do marido em uma de suas redes sociais.

“Cada dia uma nova vitória, evolução surpreendente, graças a Deus! Está cada dia mais perto da porta de saída”, escreveu Cleo Pozzebon.

A expectativa é de que ele tenha alta até a próxima sexta-feira (2).

Lateral que disputou três Copas do Mundo (1986, 1990 e 1994), Branco havia viajado ao Recife para período de treinos das equipes de base da seleção antes de ser internado. Além dele, outros cinco integrantes da comissão técnica e dois jogadores também receberam resultados positivos para o coronavírus.