'Terror dos pequenos', Fla tenta levantar o moral contra o Resende

Paulo Victor Reis

A derrota para a Universidad Católica foi sofrida, mas não ha espaço para lamentações desmedidas no Flamengo. No início da noite deste sábado, às 18h30, o time volta a campo pela segunda rodada da Taça Rio, pelo Campeonato Carioca, contra o Resende, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

O jogo pode servir para levantar o moral do grupo do Flamengo. Nos cinco confrontos que teve contra times pequenos neste ano, o Rubro-Negro foi quase impecável. Foram cinco goleadas, independentemente de atuar com reservas e titulares.

Para o lateral-direito Rodinei, é hora de voltar a vencer.

- Realmente não esperávamos a derrota no Chile. Fomos muito bem na partida, mas agora é bola para frente e buscar a vitória contra o Resende - disse o camisa 2.

O bom ataque rubro-negro só passou em branco neste ano justamente contra a Católica. Ou seja, é possível presumir que os jogadores ofensivos estão com fome de gols.

O Flamengo lidera o Grupo B da Taça Rio, empatado com Botafogo e Nova Iguaçu com três pontos. Porém, o Rubro-Negro tem a vantagem no saldo de gols porque goleou a Portuguesa por 5 a 1 também no Raulino de Oliveira.

RESERVAS COM RÔMULO E MANCUELLO

O técnico Zé Ricardo vai mandar a campo o time reserva do Flamengo. O volante Rômulo e o meia Mancuello devem ser os únicos titulares presentes nesta partida. Já o meia-atacante Gabriel está fora do jogo. Ele sentiu um desconforto muscular na partida contra a Católica e está fazendo tratamento.












E MAIS: