Ter Stegen brilha nos pênaltis e Barcelona vai à final da Supercopa da Espanha contra o Real Madrid

Ter Stegen defende cobrança de pênalti

(Reuters) - O goleiro Marc-Andre Ter Stegen defendeu os pênaltis cobrados por Juanmi e William Carvalho para dar ao Barcelona uma vitória de 4 x 2 sobre o Betis, depois que as equipes terminaram empatadas em 2 x 2 após um emocionante jogo pela semifinal da Supercopa da Espanha, na Arábia Saudita, nesta quinta-feira.

O Barça garantiu a final dos sonhos no domingo, contra o Real Madrid, que venceu o Valencia também nos pênaltis na outra semi.

O goleiro de 30 anos foi o herói do Barcelona ao fazer uma série de excelentes defesas durante a partida antes de bloquear os chutes de Juanmi e Carvalho na disputa de pênaltis.

Depois de duas excelentes defesas de Ter Stegen, que bloqueou no reflexo Luiz Henrique e Rodri à queima-roupa, Ousmane Dembelé disparou para a frente em uma bela jogada individual antes de passar a bola para Lewandowski, que venceu o goleiro Claudio Bravo de perto para marcar o primeiro gol.

O Betis voltou forte no segundo tempo, pressionando o Barcelona na frente, e Fekir acertou um chute rasteiro cruzado 32 minutos, após assistência de Luiz Henrique.

Ansu Fati colocou o Barcelona de volta na frente do placar, finalizando com uma bela jogada de dentro da área, mas o Betis reagiu e empatou graças a outro belo chute de Luiz Henrique, cujo cruzamento foi finalizado de forma brilhante por Loren Moron com um chute de calcanhar de dentro da pequena área.

Nos pênaltis, o Betis lamentou as cobranças de Juanmi e William Carvalho, enquanto o Barça não desperdiçou.

(Reportagem de Fernando Kallas)