Tentativa de manipulação na Copinha é investigada pela Polícia Civil

Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. (Foto: Tiago Pavini/Ferroviária SAF)
Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. (Foto: Tiago Pavini/Ferroviária SAF)

Uma investigação foi aberta pela Polícia Civil do Estado de São Paulo depois de um jogador do Zumbi, de Alagoas, denunciar uma tentativa de manipulação de partidas ainda na primeira fase da Copinha.

O jogo que se tornou alvo foi válido pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior, entre Ferroviária e Zumbi, depois de um defensor do clube alagoano receber mensagens de um apostador, identificado como Diego Rodrigues, através de um aplicativo de mensagens instantâneas, em que lhes eram oferecidos R$ 3 mil para que ele chutasse um número exato de bolas para escanteio nos dois tempos da partida.

Leia também:

Uma das categorias disponíveis para apostas nos sites especializados no meio, os escanteios foram escolhidos pelo apostador porque o garoto, por ser zagueiro, teria maior facilidade em realizar a fraude.

Assim que foi informado pelo zagueiro, o presidente do Zumbi buscou membros da Federação Paulista de Futebol, que repassou a denúncia para a Polícia Civil.

Veja a conversa entre o zagueiro e o apostador:

Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. Foto: (Arquivo pessoal)
Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. Foto: (Arquivo pessoal)
Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. Foto: (Arquivo pessoal)
Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. Foto: (Arquivo pessoal)
Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. Foto: (Arquivo pessoal)
Tentativa de manipulação na Copinha foi feita para a partida entre Zumbi e Ferroviária. Foto: (Arquivo pessoal)

Posicionamento da Federação Paulista de Futebol:

"A Federação Paulista de Futebol recebeu na semana passada denúncia de possível tentativa de manipulação de resultado em uma partida da Copa São Paulo de Futebol Jr. 2023 e imediatamente acionou a Polícia Civil, que iniciou apuração do caso.

A FPF reforça que trabalha ativamente para combater a manipulação de resultados e outros crimes. Por meio do Comitê de Integridade, criado em 2015, a FPF atua na prevenção e investigação das denúncias de manipulação, assédio, abusos, doping, racismo, dentre outros.

Em 2022, após realização de concorrência, a FPF passou a contar com os serviços prestados pela StatsPerform, empresa que possui expertise internacional e que atua no monitoramento de movimentos suspeitos nos mercados de apostas.

Alertas recebidos pela StatsPerform e quaisquer denúncias são apuradas pelo Comitê de Integridade e encaminhadas para as autoridades públicas competentes, como a Drade (Delegacia de Polícia de Repressão aos Delitos de Intolerância Esportiva) e o Ministério Público Estadual.

A FPF possui ainda acordo de cooperação firmado em 2020 com a SIGA (Sport Integrity Global Alliance), principal organização de integridade no esporte, por meio do qual fora estabelecido o fortalecimento de uma estrutura de cooperação com intercâmbio de informações, para conhecimento e melhores práticas".

Posicionamento do Zumbi:

"O Zumbi Esporte Clube representa o maior símbolo de resistência contra à escravidão no Brasil. Os nossos ancestrais buscavam dias melhores para o povo negro, livre da opressão e submissão a um sistema injusto e desumano.

Esses valores são passados para os atletas das categorias de base e profissional, para que sejam guerreiros, disciplinados e resistentes, não apenas nos campos, mas para todo a vida, o Zumbi tem a responsabilidade de formar pessoas com caráter, dignidade e moralidade.

Sobre o assédio sofrido por nosso atleta não compactuamos por isso formalizamos a denúncia, a Polícia Civil do Estado de São Paulo apura os fatos e tomará as devidas providências.

Por fim, expressamos nossa gratidão a Federação Paulista de Futebol – FPF pela recepção e a todos os torcedores antigos e os novos que conquistamos.

Viva Zumbi!

Zumbi Esporte Clube".