Tenistas de 11 países disputam o Aberto da República na Rio Tennis Academy

Omar Erre


A Confederação Brasileira de Tênis (CBT) realizará no Rio de Janeiro, de 27 de novembro a 3 de dezembro, nas quadras de saibro da Rio Tennis Academy, em Laranjeiras, no Rio de Janeiro, o Aberto da República – ITF W60, com a participação de tenistas de 11 países: Argentina, Brasil, Espanha, Estados Unidos, França, Hungria, Japão, Rússia, Sérvia e Turquia.

“O Aberto da República feminino de tênis irá coroar o robusto calendário de grandes torneios realizados pela CBT em 2022. Será mais uma oportunidade para que as nossas tenistas possam, além de evoluir o nível de tênis, conquistar importantes pontos no ranking mundial”, destaca Rafael Westrupp, presidente da CBT.

"Nós da Rio Tennis estamos muito contentes pela escolha da CBT de nossas instalações para sediar o maior torneio de tênis feminino profissional do Brasil . Estaremos recebendo grandes jogadoras, num enorme torneio como o Aberto da República. Ajudará muito as brasileiras nessa caminhada em busca de jogar os Grand Slams. Estamos com nossas instalações à disposição para que possam render o melhor tênis", disse Eduardo Frick, CEO da Rio Tennis.

A Federação Internacional de Tênis (ITF) divulgou as jogadoras inscritas para o Aberto da República, que distribui uma premiação de US$ 60 mil e pontos no ranking da WTA. A austríaca Julia Grabher, 84ª do mundo, encabeça a lista, seguida da húngara Reka Luca Jani (# 110ª), da brasileira Laura Pigossi (#115ª), da norte-americana Elizabeth Mandlik (#120), da francesa Leolia Jeanjean (#125), da russa Elina Avanesyan (#136) e das francesas Harmony Tan (#146) e Chloe Paquet (#157), que compõem as oito principais favoritas ao título.

Além de Laura, o Brasil tem garantido também na chave principal Carolina Meligeni Alves (#199). A CBT ainda indicará os wild cards (convites). Também terá a disputa do qualifying com mais oito vagas na chave.

Laura e Carol integraram o Time Brasil BRB nos Playoffs da Billie Jean King Cup, no confronto contra a Argentina, em Tucumán, no final de semana. O Brasil venceu por 3 a 1 e irá disputar os Qualifiers da competição em 2023. O ponto decisivo, que garantiu a equipe brasileira na próxima fase, foi marcado por Laura ao derrotar Solana Sierra, por 6/2 6/0.

Confira a lista da ITF (ranking de 7/11):

Julia Grabher (AUT) – 84ª

Reka Luca Jani (HUN) – 111ª

Laura Pigossi (BRA) – 114a

Elizabeth Mandlik (USA) – 119ª

Leolia Jeanjean (FRA) – 125ª

Elina Avanesyan (RUS) – 134ª

Harmony Tan (FRA) – 147ª

Chloe Paquet (FRA) – 155ª

Maria Lourdes Carle (ARG) - 161ª

Hailey Baptiste (USA) - 181ª

Carolina Alves (BRA) – 199ª

Nadia Podoroska (ARG) – 204ª

Ipek Oz (TUR) – 210ª

Nataliya Stevanovic (SRB) – 211ª

Mai Hontama (JPN) – 212ª

Darya Astakhova (RUS) – 221ª

Carole Monnet (FRA) – 224ª

Rosa Vicens Mas (ESP) – 226ª

A Rio Tennis Academy possui nove quadras de tênis (seis de saibro e três duras) e a equipe de competição é coordenada pelo Head Coach da academia, Leandro Afini, treinador da Federação Internacional de Tênis.