Tem fôlego? Colunistas divergem sobre como Liberta pode afetar o Flamengo na final do Carioca

RADAR / LANCE!

O mês de maio promete ser intenso para o Flamengo. Após ter vencido a Universidad Católica (CHI) por 3 a 1 e ficar bem próximo da classificação à próxima fase da Copa Libertadores, o Rubro-Negro tem um grande desafio pela frente: manter o fôlego para duelar no Fla-Flu que decidirá o Carioca.

Enquanto o Tricolor das Laranjeiras decidiu sua semana exclusivamente aos treinos, a maneira como o jogo crucial na competição continental impactará a equipe de Zé Ricardo deixa uma incógnita. Segundo o colunista do LANCE!, Eduardo Tironi, a maneira como o Flamengo atuou no Maracanã serve como um combustível para o título estadual:

- O Flamengo fez um jogo muito bom, e entra com bastante moral na final. Além disto, tem a vantagem do empate, o que é considerável em um clássico que vale título.

Já o colunista João Carlos Assumpção exalta o elenco rubro-negro, mas aponta o cansaço como um forte adversário o jogo decisivo de domingo:

- Sem dúvida, a sequência insana que o Flamengo terá vai comprometer a equipe. Embora tenha mais time do que o Fluminense, no primeiro jogo a equipe já sentiu cansaço na segunda etapa, após ter dominado com sobras a primeira. O Flamengo segue como favorito ao título, mas este cansaço vai ser um obstáculo difícil.

O LANCE! traz uma galeria com as maratonas de jogos das equipes nesta temporada.









E MAIS: