Títulos, elogios de Patrick Vieira e Lewandowski e mais: quem é Paulo Sousa, técnico alvo do Flamengo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Paulo Sousa treina a seleção polonesa desde o início de 2021 (Foto: JANEK SKARZYNSKI / AFP)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O Flamengo está no mercado em busca de um novo treinador para 2022, e a bola da vez é Paulo Sousa, atual comandante da Seleção Polonesa. O Rubro-Negro, inclusive, já fez contato com os representantes do técnico e já sabe que o desligamento da Seleção da Polônia não será um impeditivo para firmar um acordo. Por isso, o LANCE! mostra, abaixo, um perfil da carreira do profissional.

> Saiba por que o mercado está em busca de Rodinei, do Flamengo

CARREIRA COMO ATLETA

Vale lembrar que Paulo Sousa é considerado um dos melhores jogadores da história do futebol português. Ele iniciou a carreira nas divisões de base do Benfica e, a partir do Sub-16, começou a receber convocações para a Seleção.

O ex-meio-campista ainda foi campeão do mundo Sub-20 e esteve na histórica campanha de Portugal na Eurocopa de 2000.

Além disso, Paulo Sousa tem duas Champions League no currículo. A primeira veio com a Juventus, da Itália, em 1995-96, e a segunda, com o Borussia Dortmund, da Alemanha, em 1996-97. Dessa forma, faz parte da seleta lista de atletas que venceram o torneio em temporadas seguidas por clubes diferentes.

APOSENTADORIA

Depois de pendurar as chuteiras, Paulo Sousa se manteve ativo no mundo do futebol e chegou a ser Conselheiro do Presidente da Federação Portuguesa de Futebol. Ele ainda trabalhou com Felipão na Copa do Mundo de 2006, na Alemanha, e foi técnico das divisões de base da Seleção de Portugal.

Por falar em base, vale frisar que Sousa foi o responsável por lançar nomes de destaque no futebol mundial. É o caso de Chiesa e Bernardeschi, ambos da Juventus, e o de Marcos Alonso, campeão da Champions com o Chelsea.

TÍTULOS

Como técnico, Paulo Sousa soma títulos por três países diferentes. À frente do Videoton, atual Fehérvár, ele conquistou uma Taça da Liga da Hungria e duas Supertaças da Hungria.

Já em Israel, na temporada 2013/14, quando comandou o Maccabi Tel Aviv, conquistou o Campeonato de Israel, com recorde de pontos e gols marcados. Na sequência, em 2014/15, esteve à frente do Basel, onde conquistou o Campeonato Suíço.

ELOGIOS DE JOGADORES IMPORTANTES

Em entrevista ao jornal francês L'Équipe, o ídolo da Seleção Francesa e atual técnico do Crystal Palace Patrick Vieira não poupou elogios a Paulo Sousa. Na reta final de 2020, quando estava à frente do Nice - e o português do Bordeaux -, Vieira destacou, principalmente, o aspecto tático de Sousa.

- Gosto muito do que o Paulo Sousa tem para oferecer em Bordéus. Na sua defesa a três, no seu aspecto ofensivo, na organização do meio, nas entrelinhas dos jogadores, na forma como atacam no espaço, existem coisas muito interessantes - comentou, quando questionado pelo jornal quem era o melhor técnico do Campeonato Francês.

Outro personagem importante do futebol a elogiá-lo foi Lewandowski. Em entrevista ao jornal italiano "Tuttosport", o melhor jogador do mundo em 2020, foi direito ao falar sobre a personalidade do treinador.

- Fiquei com uma impressão muito boa. Tem carisma e boas ideias - sintetizou Lewandowski.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos