Título se tornou improvável para Mercedes, diz Wolff

·1 minuto de leitura
Chefe da Mercedes, Toto Wolff, durante Grande Prêmio da Áustria de F1

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - Atual campeã da Fórmula 1, a Mercedes está lutando contra as probabilidades em sua batalha com a Red Bull, disse o chefe da equipe, Toto Wolff, depois que o Grande Prêmio da Áustria de domingo resultou em uma quinta derrota seguida.

Antes dominante, a Mercedes começou a temporada buscando seu oitavo título de construtor consecutivo e um oitavo título de piloto inédito para Lewis Hamilton.

Hamilton, agora, está 32 pontos atrás de Max Verstappen, jovem piloto holandês da Red Bull que venceu cinco de nove corridas, incluindo as três últimas, e a Mercedes está 44 pontos atrás de sua rival equipada com motores Honda.

"Estamos travando uma batalha dura no momento, contra todas as probabilidades a esta altura", disse Wolff aos repórteres no circuito Red Bull Ring.

"Está contra todas as probabilidades para nós agora, e isto está claro porque eles têm uma vantagem geral de desempenho."

"Todos estes anos, tentei manter nossos pés no chão não me entusiasmando com o desempenho, e agora preciso fazer o contrário", disse.

Wolff reconheceu a contrariedade, mas disse que a Mercedes lutará até o fim e que precisa continuar otimista.

"Há 13 ou 14 corridas pela frente, estamos uma DNF (abandono de prova) atrás da Red Bull, nenhuma a mais, e perdemos mais pontos do que deveríamos ter perdido por causa de nossos próprios erros... só precisamos arrumar a casa de forma geral."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos