Tênis de mesa do Brasil encerra Parapan com 24 medalhas

Delegação conquistou nove ouros (Divulgação/CPB)
Delegação conquistou nove ouros (Divulgação/CPB)


O Brasil encerrou com chave de ouro sua grande participação no tênis de mesa dos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019. Nesta terça-feira, a delegação brasileira conquistou quatro medalhas douradas nas cinco finais de disputou. Com isso, os brasileiros terminaram as disputas da modalidade com um total de 24 medalhas, sendo nove de ouro, seis de prata e nove de bronze.

Depois de conquistar cinco outros no individual, o Brasil conquistou mais quatro ouros nesta terça nas disputas pos equipes. Destaque para Joyce de Oliveira, Paulo Salmin, Luiz Manara e Carlos Carbinatti, que saíram com dois ouros cada - um individual e um por equipe. Joyce de Oliveira e Marliane Santos levaram o outro na classe 2-5 feminina ao baterem a dupla mexicana Maria Sigala e Martha Verdin. Na sequência, pela classe 6-8 masculina, Paulo Salmin e Francisco Melo venceram os norte-americanos Ian Seidenfeld e Marco Makkar e ficaram em primeiro lugar.

O terceiro ouro veio com Carlos Carbinatti e Diego Moreira, da Classe 9-10. Eles bateram os chilenos Manuel Echaveguren e Gustavo Castro. Pela Classe 1-2 masculina, Guilherme Costa e Aloisio Lima garantiram o quarto ouro do dia. A dupla venceu os também chilenos Luis Flores e Vicente Leiva.



Na última final da delegação brasileira, o ouro não veio. Na Classe 3-5 masculina, David Freitas e Welder Knaf foram superados pelos chilenos Cristina González e Maximiliano Rodríguez e ficaram com a prata.


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também