Técnico Scaloni dá últimos retoques na lista de convocados da Argentina e parte rumo ao Catar

O técnico da seleção argentina, Lionel Scaloni, partiu na manhã desta segunda-feira com sua comissão técnica para o Catar depois de acertar os últimos detalhes na lista preliminar de jogadores convocados para a Copa do Mundo, embora a relação final seja conhecida somente no dia 14 de novembro, conforme antecipou.

"Vamos para o Catar. Levamos conosco a esperança de 45 milhões de argentinos. Começa o sonho da Copa do Mundo, mais unidos do que nunca, vamos seleção!", disse o presidente da Associação Argentina de Futebol (AFA), Claudio Tapia, ao postar no Twitter uma foto a bordo do avião com Scaloni.

O goleiro do River Plate Franco Armani, um dos que compõem a lista preliminar de jogadores, também viajou com a delegação, assim como o goleiro do Tigre, Federico Gomes Gerth, de 18 anos.

O treinador reduziu para 32 uma lista inicial de 41 jogadores, que não foi divulgada oficialmente, mas que é citada pela imprensa local e na qual ainda aparece Giovani Lo Celso (Villarreal, Espanha), apesar de estar em dúvida e à espera da evolução de sua lesão muscular.

A lista final de 26 jogadores será divulgada no dia 14 de novembro para aguardar a evolução de vários jogadores com problemas físicos, como o próprio Scaloni havia antecipado na semana passada.

De acordo com a programação prevista, no dia 14 de novembro a seleção argentina fará um treino com portões abertos no Estádio Al-Nahyan, em Abu Dhabi, antes do amistoso que disputará no dia 16 de novembro contra os Emirados Árabes Unidos.

Na véspera da partida, o técnico dará uma entrevista coletiva.

A Argentina vai estrear no dia 22 de novembro contra a Arábia Saudita e depois jogará no dia 26 contra o México no Grupo C. Os bicampeões mundiais encerram a fase de grupos contra a Polônia, no dia 30.

sa/dga/aam