Técnico do PSG defende Neymar após expulsão: ‘Primeiro amarelo foi muito severo’

Neymar foi expulso em seu primeiro jogo após a Copa (Foto: JACK GUEZ / AFP)


Neymar foi expulso ao levar dois cartões amarelos na vitória do Paris Saint-Germain sobre o Strasbourg nesta quarta-feira. Em coletiva, o treinador Christophe Galtier comentou o ocorrido com o brasileiro. Para ele, o primeiro cartão não foi justo em comparação ao número de faltas que o jogador sofre durante os jogos.

- O Neymar alternou o jogo entre altos e baixos. Posso entender que haja raiva nele, ele queria muito jogar os próximos dois jogos. Entendo a simulação, merece (o cartão) amarelo, mas alguns minutos antes ele sofre uma falta feia e seu primeiro amarelo é muito severo em comparação com o número de faltas sofridas pelo Ney - disse Galtier.

+ Liverpool anuncia contratação de destaque da Holanda na Copa

O primeiro cartão amarelo veio aos 16 minutos após o brasileiro acertar a mão no rosto do jogador adversário em jogada de velocidade. Na sequência, Neymar caiu dentro da área e foi advertido por simulação.

Com o cartão vermelho, Neymar está suspenso e desfalcará o Paris Saint-Germain no próximo jogo. A equipe de Christophe Galtier encara o Lens no domingo, dia 1º de janeiro de 2023, pela Ligue 1.