Técnico do Leicester quer "alterar ordem estabelecida" no futebol inglês

·1 minuto de leitura
Brendan Rodgers, treinador do Leicester, durante o jogo do Grupo G da Liga Europa entre o Leicester e o AEK Atenas, no King Power Stadium em Leicester, no dia 10 de dezembro de 2020

O técnico do Leicester, Brendan Rodgers, disse querer "alterar a ordem estabelecida" no futebol inglês, dominado pelos clubes gigantes, e se classificar para as competições europeias a cada ano, no momento em que seu time está em terceiro lugar na Premier League, de acordo com declarações ouvidas no domingo pela agência PA.

"Queremos ser uma equipe que, todos os anos, obtenha o direito de disputar as competições europeias", afirmou o treinador norte-irlandês, de 47 anos, após a vitória fora de casa sobre o Newcastle dos 'Foxes', que surpreenderam a todos em 2016 ao conquistar o campeonato inglês.

"Nosso trabalho é nos perguntar 'podemos alterar a ordem estabelecida?' Talvez não do ponto de vista econômico, não temos orçamento para comprar um jogador por 70, 80 ou 90 milhões de libras (123 milhões de dólares), mas podemos no aspecto futebolístico", garantiu Rodgers.

Em meados de dezembro, o técnico dos 'Foxes' previu que a corrida pelo título seria "acirrada", lembrando que ainda falta "uma longa temporada".

No domingo, ele especificou que sua ambição é terminar o campeonato em uma posição que classifica para as competições europeias de 2021-2022, depois que o clube por pouco não conseguiu uma vaga na última temporada para a Liga dos Campeões.

O Leicester vai jogar as oitavas de final da Liga Europa em fevereiro, contra o tcheco Slavia Praga.

Na Premier League, os 'Foxes' têm um ponto a menos que os dois líderes, Liverpool e Manchester United, e jogaram uma partida a mais do que 'Reds' e 'Red Devils'.

Em 2016, o Leicester se tornou o primeiro time desde 1995 a conquistar o título da liga sem pertencer ao chamado 'Big Six' (Manchester United, Manchester City, Liverpool, Arsenal, Tottenham e Chelsea).

pi/jc/dga/iga/psr/aam