Técnico de Gana descarta 'vingança' contra o Uruguai: 'A torcida quer isso, mas não importo'

Técnico de Gana comenta polêmica com o Uruguai (Foto: Glyn KIRK / AFP)


Gana e Uruguai fazem um novo confronto direto em uma Copa do Mundo, dessa vez na última rodada do Grupo H, onde vale vaga para as oitavas de final. A última vez que as seleções se encontraram foi na África do Sul, em 2010, em um jogo recheado de polêmicas.

O duelo em questão contou com um empate em 1 a 1, Suárez expulso por impedir com as mãos o gol ganês, e classificação dos sul-americanos nos pênaltis. Ao ser perguntado sobre o sentimento para o novo confronto, o técnico Otto Addo descartou uma "vingança".

> Listamos 16 jogadores importantes em seus clubes que ainda não entraram em campo na Copa do Mundo

- Não sou um cara que pensa muito em vingança. Já faz muito tempo desde que isso aconteceu. Eu não me importo, mas a torcida quer isso. E eu acredito firmemente que se você não buscar vingança neste tipo de situação, às vezes você terá sucesso - reforçou.

> Confira a tabela completa e classificação da Copa do Mundo!

O treinador de Gana, por fim, projetou o jogo contra o Uruguai, que acontece nesta sexta, às 12h (de Brasília). Para Otto Addo, a partida "será muito difícil", mas confia que a sua seleção pode sair com a vitória.

- Vai ser um jogo complicado. Eles têm atacantes muito bons e muita experiência. São muito compactos e formam um bom time. As situações das seleções são diferentes, mas daremos o nosso máximo para vencê-los - concluiu.