Técnico da Inglaterra elogia "novo" Rashford após atuação contra País de Gales

Técnico da Inglaterra, Gareth Southgate, abraça Marcus Rashford

Por Toby Davis

AL RAYYAN, Catar (Reuters) - Marcus Rashford é um jogador transformado para a Inglaterra, disse o técnico Gareth Southgate depois que o atacante marcou duas vezes contra o País de Gales, nesta terça-feira, e levou a Inglaterra às oitavas de final da Copa do Mundo.

Quando Southgate convocou sua seleção para a Copa do Mundo, não era de forma alguma certo que o nome de Rashford estaria incluído.

No entanto, se ainda restavam dúvidas sobre se ele merecia estar no grupo, elas foram eliminadas no último jogo da Inglaterra pelo Grupo B, com dois gols no segundo tempo que garantiram uma merecida vitória por 3 x 0.

Seu primeiro gol, uma cobrança de falta direta logo após o intervalo, abriu o placar para a Inglaterra depois de um primeiro tempo enfadonho, enquanto o segundo foi mais com a sua cara, cortando para dentro e encontrando as redes com uma finalização certeira por entre as pernas do goleiro.

Ao erguer os braços para o céu em comemoração, o que ele explicou mais tarde ter sido por conta da morte recente de um amigo próximo, a imagem contrastava com o ano passado, quando a fase de Rashford oscilou na campanha que levou a Inglaterra o vice-campeonato da Euro 2020.

O torneio terminou com ele perdendo uma das cobranças na disputa de pênaltis contra a Itália.

"Tem sido um desafio para ele", disse Southgate depois de dar a Rashford sua primeira partida como titular desde junho do ano passado. "Temos um jogador diferente da Euro. É ótimo para ele e ótimo para nós", acrescentou.

O atacante é agora o artilheiro da Copa do Mundo com três gols, tendo sido titular em apenas um dos três jogos da Inglaterra e jogado um total de 107 minutos.

A escolha de Rashford também foi uma justificativa para Southgate, que fez várias as mudanças, colocando o atacante do Manchester United e Phil Foden nos lugares de Raheem Sterling e Bukayo Saka.

A Inglaterra agora vai enfrentar o Senegal nas oitavas de final.