Técnico da Bélgica comenta discussão entre companheiros em estreia na Copa do Mundo


A Bélgica estreou na Copa do Mundo com três pontos. A equipe venceu o Canadá por 1 a 0, na última quarta-feira, e largou bem na competição. Porém, a atuação não foi das melhores e isso fez com que dois importantes atletas belgas discutissem dentro do gramado.

Aos 44 minutos do primeiro tempo, após momentos de pressão canadense, a Bélgica encontrou um lançamento perfeito para Batshuayi fuzilar as redes adversárias. Enquanto o elenco comemorava, De Bruyne e Alderweireld tiveram papo ríspido à beira do gramado.

Quem estava ao lado dos atletas era Roberto Martínez. O treinador estava passando instruções para o meia quando o zagueiro chegou e os dois discutiram. Em entrevista ao "L'Équipe", o comandante dos Diabos Vermelhos tentou explicar a situação.

- Muitas vezes há tanta frustração, você sabe. Não é sempre na TV. Agora é. Kevin ganhou muitos troféus e sabe como vencer os jogos. Ele temia que não funcionasse contra o Canadá. Um receio justificado, porque não jogamos bem - declarou Martínez.

Ele ainda ressaltou que esse fato não prejudicará o ambiente da seleção da Bélgica. Para Martínez, a experiência dos atletas falará mais alto.

- Não, Kevin jogou quase 100 partidas internacionais. Ele tem experiência. Estamos com esse grupo há seis anos. São apenas dez jogadores que disputam sua primeira Copa do Mundo e estão no grupo há algum tempo. Todo mundo conhece o Kevin. Os jogadores se conhecem completamente. Este não é um relacionamento novo e, portanto, não sairá do controle - disse ao "L'Equipe".

+ Hazard, da Bélgica, critica protestos alemães na Copa: 'Estamos aqui para jogar futebol'

A Bélgica volta a campo no próximo dia 27 de novembro, às 10h (de Brasília), quando enfrenta o Marrocos, no Al-Thumama, em Doha. Após o duelo contra os africanos, os belgas fecham a participação no Grupo F contra a Croácia.