Técnico admite prejuízo no sub-20 do Bahia, mas diz: ‘Saúde acima de tudo’


Técnico da categoria sub-20 do Bahia, Carlos Amadeu participou de um debate sobre o futebol de base em tempos de coronavírus ao lado de Rogério Micale, do Cruzeiro, e Eduardo Oliveira, do Fluminense. O treinador do Tricolor baiano falou sobre o prejuízo técnico que a parada pode causar na categoria.

- Estávamos finalizando a preparação para iniciar duas competições importantes, que era a estreia na Copa do Brasil sub-20 e interrompemos nosso treinamento um dia antes de viajar para jogar contra o Fluminense do Piauí, e depois, dia 28, estrearíamos no estadual - disse antes de completar:

- São duas competições que não sabemos o que irá acontecer. Imaginamos que teremos um longo período sem treino e jogos. Isso vai prejudicar, com certeza o desempenho no início - disse.

No entanto, assim como a maioria dos profissionais do futebol, Carlos Amadeu advertiu que a parada no futebol mundial é de extrema importância e que a saúde de todos precisa ser colocada em primeiro lugar.

- Eu imagino que a gente vá ter um prejuízo na nossa preparação, mas acima de tudo está a saúde. O momento é muito importante de suspender mesmo o treinamento, evitar viagens, aeroportos. Mas ao mesmo tempo eu acho que é muito importante a gente já começar a planejar e reorganizar de como iremos voltando aos poucos, se não iremos ter um impacto muito grande na economia mundial mesmo.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também