Sylvinho fala sobre evolução de trio no Corinthians após a sua chegada: 'Mérito é dos atletas'

·3 minuto de leitura


Titulares na maioria das partidas do Corinthians desde a chegada do técnico Sylvinho, o trio Gil, Cantillo e Jô está se destacando pelo clube. Antes, esses jogadores vinham sendo bastante questionado, por conta de atuações abaixo da média e haviam perdido espaço no time titular.

Ainda que a crescente tenha acontecido após a chegada do novo comandante, Sylvinho foge do protagonismo na recuperação da boa fase desses atletas.

- Vejo outra vez como mérito é dos atletas, bom, porque são atletas que tem pra responder, tem para dar, sobretudo quando você fala de Jô e Gil. Cantillo tomou protagonismo, fez um primeiro tempo muito bom, técnico, saída de jogo, atleta que tem nos dado bastante. O que fortalece esses atletas é o sistema, organização, tempo, dia adia, vão ganhando corpo e fico feliz. A gente trabalha, mas não vamos tomar o protagonismo, a resposta sempre vem do atleta, que se colco à disposição do clube sabe o que fazer, não vamos pedir nada que ele não possa dar, ele entende o conceito e a ideia e reproduzir em campo. Estou feliz por eles, mas sobretudo pelo grupo – disse em entrevista coletiva virtual após a vitória por 1 a 0 sobre a Chapecoense, na Arena Condá, na última quinta-feira (8).

>> Baixe o novo app de resultados do LANCE!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Do trio, o que mais demorou para se destacar foi Jô. Questionado desde o seu retorno para a terceira passagem pelo Timão, no ano passado, o camisa 77 ainda não havia emplacado uma boa sequência desde então. Nas primeiras partidas de Sylvio no comando técnico corintiano, o centroavante ficou no banco de reservas, mas retomou a titularidade há cinco partidas e marcou todos os últimos quatro gols do Corinthians.

- O Jô teve um período que não era o titular na nossa chegada mesmo, esteve no banco em alguns momentos até fora, uma pequena lesão de panturrilha, sempre esteva entrando faltando 15, 30 minutos, recuperando a forma física, em determinado momento, isso é o futebol, corpo vivo do time. Precisamos de um centroavante contra o Bahia, e o atleta responde, porque te qualidade, entendem como estamos pedindo, uma retenção, posicionamento, e tem atendido porque tem condições de fazer. O Atleta responde, colocamos conceitos, ideias, trabalhamos diariamente, ainda bem para nós, bom para o Corinthians – pontuou o treinador.

Cantillo ganhou uma nova função pelo Time do Povo, com a chegada de Sylvinho, a de primeiro homem de meio-campo, mas sem o intuito de ser o destruidor de jogados dos adversários, mas para ajudar na construção inicial do time no bloco ofensivo.

Contudo, o colombiano passa a ser dúvida para os próximos compromissos do Timão, já que deixou o campo no início do segundo tempo com uma lesão no tornozelo.

- Houve um choque no tornozelo, muti recente, ainda não vimos, parece, a princípio, se é sério, mas temos que falar com o Departamento Médico, primeira impressão que o atleta está andando em, com muito cuidado vamos ver a avaliação da parte me´dica e amanhã conversar com todos para vero nivel de limitação que o atleta pode ter – destacou Sylvinho.

Já Gil, foi titular em todas as 12 partidas sob a direção do atual técnico. Antes, o camisa 4 estava sendo preterido por um trio defensivo com João Victor, seu companheiro de zaga na atualidade, Raul Gustavo e Jemerson, que deixou o Corinthians há uma semana, após o termino do seu contrato com a equipe.

Treinado por Sylvinho, ha pouco mais de um mês, o Timão tem três vitórias, seis empates e três derrotas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos