Sylvinho elogia meio-campo do Corinthians e destaca Gabriel: 'Voluntarioso e generoso'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O técnico Sylvinho repetiu pelo terceiro jogo consecutivo o seu tripé do meio-campo com o Cantillo, Roni e Gabriel, e o último foi premiado marcando o gol do Corinthians no empate em 1 a 1 contra o Palmeiras, no último domingo (12), pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, no Allianz Parque.

Volante de origem, o camisa 5 tem atuado mais próximo da área com o novo treinador corintiano, que admite ter trabalhado para que ele participe mais das construções ofensivas da equipe.

>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos
>> Baixe o novo app de resultados do L!

- O Gabriel é um atleta muito disciplinado muito entrega e pouco a pouco nessa nova versão estamos tentando acrescentar algo dele pisar um pouco mais na área, não será o segundo artilheiro do time, não é boa intenção, mas algo mais estamos acrescentando, porque é voluntarioso, generoso, cobre uma margem grande do campo, então por que não pisar a área adversária e dr o penúltimo passe ou até fazer o gol -

Com uma característica mais construtura, o colombiano Cantillo tem sido o primeiro homem do meio-campo, com Roni e Gabriel encostando mais a área. Sylvinho, inclusive, tem aprovado o desempenho do trio junto.

- Vai se desenvolvendo as conexões do time, ele tem se encontrado bem, o Cantillo com Gabriel e Roni e se sente bem protegido, atleta de boa qualidade técnica, de jogo, de passe e eles tem se encontrado muito bem nesse setor do campo e dado bastante consistência ao time a partir dali e qualidade técnica tem aumentado.

Nos cinco jogos que esteve no comando do Timão, Sylvinho não escalou centroavantes. Na maioria deles, o meia Luan fez a função de falso 9, com Mosquito aberto pela direita e Mateus Vital, como no Dérbi, ou Araos pela esquerda.

Como o jogador de maior característica de armação tem atuado dentro da área, ainda que busque bastante o jogo, o técnico corintiano acredita que com Cantillo na primeira faixa central o time ganha qualidade de passe e com os lançamentos longos, característica do colombiano, pode criar jogadas de gol.

Com isso, Gabriel e Roni, que são mais qualificados na recomposição defensiva, jogam um pouco mais à frente, no meio-campo, para ajudar na marcação central, mas Sylvinho busca dar a eles confiança para encostar mais na área adversária, como Gabriel no Dérbi.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos