Swiatek é eliminada por Rybakina nas oitavas do Aberto da Austrália

A número um do mundo, a polonesa Iga Swiatek, perdeu neste domingo o jogo das oitavas de final do Aberto da Austrália para a última vencedora de Wimbledon, a cazaque Elena Rybakina (N. 25), por 6-4, 6-4.

Atual campeã de Roland Garros e campeã do US Open, Swiatek foi eliminada em 1 hora e 29 minutos em uma partida em que se mostrou inconsistente nos momentos decisivos.

"Tenho de trabalhar a cabeça e lutar mais como fiz na temporada passada (...) Senti a pressão e senti que não queria perder em vez de que queria ganhar", disse a polonesa, que reconheceu que a adversária foi "melhor e jogou de forma muito sólida".

Em seu primeiro duelo contra uma cabeça-de-chave no torneio, Swiatek se mostrou hesitante e não conseguia aproveitar suas vantagens desde o início da partida, onde teve seu primeiro saque quebrado após ter uma vantagem de 40-0 e desperdiçou dois break points no restante da partida.

A polonesa de 21 anos conseguiu empatar em 2 a 2, mas pouco depois voltou a ceder seu serviço para Rybakina, que acabou fechando o set com um dos seis aces executados no jogo.

A cazaque nascida na Rússia, de 23 anos, não se intimidou quando Swiatek quebrou seu saque e abriu 3 a 0 no segundo set. Soltando sua forte direita e aproveitando erros desnecessários da adversária, empatou o set em 3 a 3.

Mais agressiva do que Swiatek, Rybakina foi especialmente mortal em pontos cruciais, com 100% de eficiência em suas três primeiras quebras.

Só no nono game do segundo set Swiatek conseguiu salvar dois break points, mas na terceira oportunidade concedeu um break decisivo para a adversária, mandando uma bola fácil de direita  para a rede.

"Foi um jogo muito difícil, respeito muito a Iga (...) Ela joga muito bem", disse Rybakina. Mas "no final, nos momentos importantes, joguei muito bem e isso fez a diferença", acrescentou na quadra.

A campeã de Wimbledon enfrentará nas quartas de final a letã Jelena Ostapenko (nº 17), que derrotou outra grande favorita, a adolescente americana Coco Gauff (nº 7), por 7-5 e 6-3.

dbh/atm/aam