Surto de Covid alerta Corinthians a olhar para volantes da base; confira opções

LANCE!
·2 minuto de leitura


Aos poucos os jogadores do Corinthians que foram diagnosticados com Covid-19 vão retornando aos trabalhos normais. Dentre os 16 contaminados, apenas quatro seguem em isolamento: Roni, Xavier, Ruan Oliveira e André Luís.

>> Confira a tabela do Campeonato Paulista e simule os próximos jogos

Os volantes foram os mais atingidos com a quantidade de caso. Mesmo com as laterais tenha sido mais afetadas, fazendo com que o técnico Vagner Mancini improvisasse zagueiros no setor, o maior número de atletas que testaram positivo para Covid foram os primeiros homens de meio-campo: Roni e Xavier, que seguem isolados, Gabriel, Camacho e Ramiro.

A situação faz com que mais uma vez a comissão corintiana olhe para a base, promessa para essa temporada. Dos atletas das categorias de formação, os que tiveram mais espaço até o momento foram os atacantes, com destaque para Rodrigo Varanda, que tem se firmado na titularidade, e Antony, que iniciou a vitória corintiana sobre a Ponte Preta, por 2 a 1, há duas semanas, no dia 7 de março, na Neo Química Arena, pela terceira rodada do Campeonato Paulista.

Entre os volantes do atual elenco profissional, nenhum foi promovido neste ano. As duas únicas pratas da casa são Xavier e Roni, que integraram o time principal já na temporada passada, no período em que o ex-treinador do sub-20, Dyego Coelho, assumiu interinamente o comando do Timão.

Entre as opções de volantes nas categorias inferiores, está Du Queiroz, que recentemente despertou interesse do futebol árabe. Aos 21 anos, o atleta faz parte do time sub-23 do Corinthians e busca maior espaço. Com passagem pela Seleção Brasileira de base, a tendência é que o jogador permaneça no Brasil, e o intuito é se firmar na equipe de Parque São Jorge.

Além de Queiroz, outros volantes do sub-23 corintiano são: Adriel, Emerson Souza, Facundo, Gabriel Dias, João Gabriel, Rodrigo, Warian e Yuri Souza.