Sucesso de Rodriguinho faz Jadson recordar parceria com Renato

Um dos dois jogadores do Corinthians que concorrem ao prêmio de craque do Campeonato Paulista – o centroavante Jô é o outro indicado –, Rodriguinho mudou o seu status no clube do Parque São Jorge. O meia cobiçado pelo turco Fenerbahce no início do ano, com contrato prorrogado até o final de 2019, passou a ser visto como alguém tão importante para o time quanto o ex-companheiro Renato Augusto foi em 2015.

Nas redes sociais, o Corinthians já dispensa a Rodriguinho o mesmo tratamento que deu a Renato Augusto na campanha vitoriosa do Campeonato Brasileiro de dois anos atrás. O armador do presente viu o departamento de comunicação do clube repetir uma brincadeira ao fazer uma montagem em que são fundidas fotos suas e de Jadson, seu parceiro de meio-campo, e perguntar: “Quem é melhor: Jadriguinho e Rodriguison?”.

Para Jadson, que ajudou Renato Augusto a ser eleito o craque do Brasileiro de 2015, Rodriguinho tem feito por merecer os elogios. “Fico feliz por auxiliar os meus companheiros. Graças a Deus, a parceria com o Rodriguinho tem dado certo. Estamos bem entrosados”, comemorou, sem melindre por eventualmente ficar ofuscado. “O meu objetivo da carreira sempre foi conseguir títulos. É assim que você deixa o seu nome gravado na história do clube.”

Graças também a uma boa atuação de Rodriguinho, Jadson está muito próximo de mais uma conquista pelo Corinthians. O amigo marcou dois dos três gols da vitória sobre a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, no jogo de ida da decisão do Campeonato Paulista. “E o meu gol foi com assistência dele. Agradeço ao Rodriguinho”, sorriu Jadson, antes de dedicar mais alguns elogios ao colega. “Está desempenhando um grande futebol, fazendo gols. As coisas estão dando certo para ele.”

No domingo, no entanto, o Corinthians não contará com Rodriguinho no jogo de volta contra a Ponte Preta, em Itaquera. O jogador cumprirá suspensão automática, e o técnico Fábio Carille ainda não definiu o novo parceiro de meio-campo de Jadson. Os principais candidatos são Marquinhos Gabriel, Camacho, Clayton, Pedrinho e Léo Jabá.