Substituto de Diego Alves? Dirigente do Botafogo reage à especulação de Gatito no Flamengo

Nathalia Almeida
·2 minuto de leitura

Novela que se arrastava há longos meses, a renovação de contrato entre Flamengo e Diego Alves não deve acontecer. A notícia foi dada em primeira mão pelo jornalista Venê Casagrande, e gerou reação imediata entre rubro-negros: para muitos, o clube agiu certo em não ceder à alta pedida do experiente goleiro, que queria salários de R$ 700 mil para estender o vínculo; para outros, trata-se de um titular inquestionável e de difícil reposição, que valeria o investimento.

Em meio a tudo isso, não foram poucos os torcedores do Flamengo torcendo para que o clube 'vire a página' o quanto antes e busque um novo nome no mercado, afinal, o contrato de Diego Alves se encerra oficialmente no próximo dia 31 de dezembro. Além de Tadeu - o único destaque individual da temporada do Goiás -, um dos nomes sugeridos em profusão foi o do rival Gatito Fernández, arqueiro do Botafogo e ídolo da torcida alvinegra.

O rumor, que nasceu nas redes sociais e ganhou repercussão por conta de influenciadores rubro-negros, obviamente chegou ao conhecimento de dirigentes e pessoas importantes envolvidas nos bastidores do Glorioso. Como destaca 'O Dia', a situação fez com que o futuro vice-presidente alvinegro, Vinícius Assumpção, utilizasse uma de suas redes sociais oficiais para rechaçar qualquer possibilidade do goleiro paraguaio 'pular o muro'.

"Sempre na semana do jogo contra eles tem alguma notícia para tentar tumultuar o ambiente interno. Não caiam nesta! Estive ontem com o Gatito e ele está focado na sua recuperação, na volta e no Botafogo. Vamos juntos!", publicou.

Botafogo v Cruzeiro - Brasileirao Series A 2017 | Buda Mendes/Getty Images
Botafogo v Cruzeiro - Brasileirao Series A 2017 | Buda Mendes/Getty Images

Goleiro de 32 anos de idade, Gatito está em sua quarta temporada vestindo a camisa do Botafogo. Contratado em 2017, ele soma um título conquistado neste período: o Carioca de 2018. Seu vínculo com o Alvinegro tem validade até dezembro de 2021.