Stoke City 1 x 2 Chelsea: Com gol nos últimos minutos, Chelsea segue rumo ao título

Em confronto travado e difícil, o Chelsea conseguiu a vitória por 2 a 1 diante do Stoke City, em confronto válido pelo Campeonato Inglês. O resultado mantem o time azul isolado na liderança do torneio, com mais de 10 pontos de vantagem sobre o Tottenham, atual segundo colocado.

O jogo foi difícil para os Blues, que abriram o placar com Willian, dominaram a maior parte do jogo, mas encontraram um adversário que jogou fechado durante todo o tempo e saiu em algumas oportunidades no contra-ataque, conseguindo um empate ainda no primeiro tempo com Walters. No final do jogo, Gary Cahill marcou após uma confusão na grande área.

O Chelsea volta a campo no próximo sábado (25), às 11h (de Brasília), contra o Crystal Palace. Já o Stoke City enfrenta o Leicester City no mesmo dia e horário.

O jogo

O começo do jogo foi de amplo domínio do Chelsea, que começou mais devagar, mas rapidamente passou a ser totalmente melhor em campo, tomar conta do jogo e busca o gol. Aos 13 minutos, o meia Willian cobrou falta no cantinho, surpreendendo o adversário que esperava uma bola levantada ao invés disso.

Após os 30 minutos, o Stoke passou a agredir mais. E isso deu resultado: aos 33, em cobrança de escanteio, a esquipe da casa abriu o marcador, mas o árbitro viu uma falta e anulou o lance. Na jogada seguinte, o juiz marcou pênalti para a equipe vermelha e branca por causa de um empurrão na área. Walters bateu bem e empatou o jogo.

Na volta do intervalo, o Chelsea voltou a ter a supremacia do confronto. O clube visitante tomava as ações do jogo, tinha mais posse de bola e buscava mais o segundo gol. Já o Stoke tinha a postura de esperar o adversário e buscar a melhor condição. Com 20 minutos de segundo tempo, os donos da casa abriram mão completamente de vencer o jogo, se contentando em esperar atrás.

No finalzinho do jogo, porém, o Chelsea conseguiu o gol da vitória após tanto martelar. Após uma cobrança de escanteio, a redonda ficou pipocando na área e sobrou para Cahill dar números finais ao confronto.